sábado, 11 de março de 2017

[Resenha] Três coisas sobre você, Julie Buxbaum

Título: Três coisas sobre você
Autora: Julie Buxbaum
Editora: Arqueiro
Páginas: 288
Onde comprar: Saraiva 
"Os dias perfeitos são para as pessoas com sonhos pequenos, possíveis de serem realizados. Ou talvez para todos nós eles só aconteçam em retrospecto: só são perfeitos agora porque contêm alguma coisa irrevogável e irrecuperavelmente perdida."

Três coisas sobre você dividiu minha vida em Antes e Depois. Antes eu acreditava que qualquer tipo de clichê era ruim. Depois descobri que existem dois tipos deles: os bem e os mau escritos. A história não poderia ser mais clichê e previsível... Mas, é colocada no papel de maneira tão encantadora que torna-se impossível largar o livro até que se chegue ao último ponto final.

Jessie Holmes perdeu a mãe para o câncer e, logo o depois, o pai para uma nova namorada californiana linda e rica. Ela foi obrigada a largar toda uma vida para trás - a escola, a melhor amiga e a própria casa - para ir morar do outro lado do país e estudar numa escola de gente mesquinha e cheia de dinheiro. Estava tudo dando errado: Jessie se sentia sozinha sem a mãe, sem a atenção do pai e sem amigos. Para piorar, o bullying veio para acentuar sua tristeza. Então, ela passou a receber e-mails anônimos, de um tal Alguém Ninguém. Certamente era algum tipo de humilhação. Alguém querendo brincar com ela. Não. Seria impossível ela ter sido notada. Seria impossível que alguém realmente se preocupasse com ela. Quem se importa?

E no entanto, Jessie estava errada. Tudo aquilo era real. Aquele garoto anônimo era um amigo de verdade para ela. Virtual, mas era verdadeiro, sim. 
"ei, Srta. Holmes. nós nunca nos encontramos e não sei se um dia vamos nos encontrar. quero dizer, provavelmente vamos, em algum momento - talvez eu pergunte a você que horas são ou outra coisa igualmente banal e abaixo do nosso nível intelectual -, mas nunca vamos nos conhecer de verdade, pelo menos não de forma significativa... e por isso pensei em mandar este e-mail sob o manto do anonimato. (...)"

Mesmo que desde o início tenha ficado óbvio, para mim, quem AN era, não consegui desgrudar do livro. Eu poderia deduzir o "quem" mas nunca o "como". E apesar de todo o clima adolescente clichê, não pude deixar de sentir empatia pela protagonista, uma adolescente repleta de manias e inseguranças tão semelhantes às minhas - mesmo ela tendo 16 e eu quase 21.

É, quem disse que clichês não podem ser bons? Divertidos? E fofos? AAAAAH, foi tanta fofura que eu tive vontade de ficar dando cambalhotas pelo colchão como uma idiota. Três coisas sobre você merece ser lido. Sim, merece! 
"Certos fatos costumam tornar todo o resto irrelevante."  

Classificação:

8 comentários:

  1. Olá
    eu adoro um clichê bem escrito viu, e todos os que resenharam esse livro acharam ele um amor. Confesso que num primeiro momento ele não me chamou a atenção mas , depois que li as resenhas, super quis ler.
    Beijuh

    ResponderExcluir
  2. Olá, Gabi.
    Esse livro realmente parece ser muito bom, concordo que tem os clichês bons e maus escritos.
    Recentemente li um livro bem clichê, que por sinal se chama Clichê e amei, mesmo a história sendo previsível, foi uma delícia ler o livro, tudo por causa da narrativa da autora.
    Com certeza eu iria gostar da leitura desse livro, para ser sincera já tenho o pdf para ler futuramente, hahaha.

    ResponderExcluir
  3. Oi Gabi, tudo bem?

    Eu sou apaixonada por um clichê, principalmente os adolescentes. Tenho 21 anos e creio que nunca pararei de ler o gênero, pois o mesmo me traz sempre um alívio da correria do dia a dia.
    O livro parece ser lindo, a personagem vive em uma bolha e a pessoa com quem troca mensagens vai ao pouco tornando-se sua vida, um pedaço de si. Conheço bem essa situação, passei por algo bem parecido. Obrigada pela dica, com toda certeza irei ler esse livro!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Só lendo mesmo pra tirar a prova dos clichês bons x ruins. Eu não tenho muita paciência para clichês, sabe como é aquariano, detesta mesmice... Gostei da foto e das meias! hahaha... desculpa, mas gostei mesmo! Vamos combinar, vc me diz onde comprou a meia e eu dou uma chance pra leitura! ;)

    ResponderExcluir
  5. Olá Gabi, tudo bem???
    Sinceramente eu jamais compraria este livro com essa capa rosa gritante. O título também não me despertou para ler, mas o enredo chamou muito minha atenção, as vezes eu acho que sou movida a clichês porque adoro demais histórias tão óbvias e elas são tão gostosas de ler, mas desde que sejam bem escritas, como acredito que esta seja. Fiquei bem curiosa para ler e se me surgir a oportunidade irei comprar o livro com toda a certeza. Xero!

    ResponderExcluir
  6. Olá Gabi!
    Quem não ama um clichê? Acho que 99% dos leitores ama e se delicia co um bom clichê, um mais do mesmo bem escrito é sempre uma delicia de leitura! Já tinha visto a capa do livro e amado, mas essa é a primeira resenha que leio sobre o livro! E já quero, dica anotada!

    Beijokas

    ResponderExcluir
  7. Olá!!
    Ah! os Clichês s2, eu particularmente adoro!!! Já tinha visto esse livro pela internet, mas ainda não tinha tido a oportunidade de sabe só que se tratava, pelo menos não me lembro de já ler lido uma resenha. Bom, eu super adorei sua resenha fiquei com vontade de já ter esse livro e começar agora mesmo a ler. Parabéns pelo post eu adorei!!! Ah, que bom que você gostou da leitura por mais previsível que fosse o livro.

    Beijos!

    ResponderExcluir