sábado, 14 de janeiro de 2017

[Resenha] A thousand boy kisses, Tillie Cole

Título: A thousand boy kisses
Autora: Tillie Cole
Editora: Tillie Cole Ltd.
Páginas: 353
Onde comprar: Amazon

De tempos em tempos uma ovelhinha negra sempre surge entre os leitores. O anjinho, ao lado direito do seu ombro, grita "ai, que livro lindo!", mas o diabinho, do lado oposto, revira os olhos e comenta "Af, jura mesmo que você está gostando dessa porcaria?" Na maioria das vezes o anjo canta vitória, mas, outras poucas ele perde, e o sinal da ovelha negra soa alto.

Sou a ovelha negra em se tratando de A Thousand Boy Kisses. O livro é bem avaliado, um verdadeiro tsunami de elogios e suspiros que não, não conseguiram me afogar junto. Eu não gostei da história, não tem jeito.

Porque, ela é bonitinha? É. É super fofinha, super amável, super perfeitinha, super triste, super dramática, super romântica, super linda... Super, super, super, super, SUPER!
No fim, todo esse excesso teve um efeito rebote. A perfeição começou a ficar ridícula, o romance açucarado demais e a tristeza teatral demais. Fiquei enjoada, sério mesmo. Histórias repetitivas costumam me estressar. Eu não via a hora de terminar logo o livro, não porque estava gostando, mas porque queria me ver livre daquela escrita dramática.

Claro, não sou maniqueísta a ponto de só criticar o livro. Ele tem sua beleza, sim: passagens emocionantes e lições de vida encantadoras - devo admitir. Foi o excesso mesmo que, segundo meu diabinho, estragou toda a coisa. (É como comer brigadeiro: nas primeiras colheradas você está amando; mas depois de uma panela inteira você consegue jurar que odeia chocolate.)

Rune e Poppy não conseguiram me conquistar por completo. São personagens clichês demais. Paciência. Aliás... O desfecho deles me pareceu meio forçado. Ou um final é triste, ou é feliz. Não tem essa de tentar misturar!

AFF.

Classificação:

11 comentários:

  1. hahaha Gabrielle, me senti assim com O Último Primeiro Beijo, só vejo resenhas positivas, mas eu detestei o livro, tem momentos legais, mas que tédio :(
    Esse parece ser aquele livro que vc lê depois de uma ressaca literária.

    Beijos,
    Anne
    Fadas Literárias

    ResponderExcluir
  2. Eu amei a sua resenha e como você explicou o motivo pelo qual não gostou, acho que eu também não gostaria pelos mesmos motivos que você!
    Mas senti falta de uma explicação da história no início da resenha :/
    Beijos!
    Vivendo no Infinito - www.vivendonoinfinito.com

    ResponderExcluir
  3. Eu gostei muito da sua resenha, só acho que faltou falar sobre o enredo do livro, sobre a história sem os exageros dela.

    ResponderExcluir
  4. Olá!! :)

    Gostei de ler a resenha, mesmo que nunca lesse este livro, porque não e o tipo que leria... ahah

    Que pena que não tenhas gostado da leitura e que (ainda que com passagens positivas) esta mal "montado" e com um final assim tao forçado!

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  5. Olá! Que pena que esse excesso de super estragou a história para você. Realmente quando uma personagem é super dramática - mais e tudo isso que você citou - acaba se tornando irritante e cansativa fazendo a gente fugir dela. Porém apesar disso que bom que o livro tem sua beleza como a lições de vida encantadoras. Beijos'

    ResponderExcluir
  6. Olá,
    As vezes os excessos acabam mesmo estragando o que tinha tudo para ser bom!
    Até agora a sua foi a única resenha negativa da obra que vi dona ovelhinha negra rsrs
    A obra está na minha lista de leituras e sinceramente não sei o que irei sentir ao fazer a leitura, afinal tudo parece ser bem forçado e cheio de açúcar!

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oie
    ai que legal sua resenha, eu tenho vergonha por ainda não ler em inglê e admiro quem faça. Parabéns pela resenha e adorei o enredo, parece ser um livro legal apesar dos defeitos

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Olá.

    Você é a primeira pessoa que vejo que não gostou muito do livro. Ovelha negra mesmo! hahahahha Quando li o livro, achei que foi tudo meio dramático mesmo, mas mesmo assim eu amei a trama. Cada um tem seu gosto, né? rsrsrrsrs Pena que você não gostou tanto assim, ao contrário de mim que amei.

    Beijos,
    Respire Literatura

    ResponderExcluir
  9. KKKK, ai meu deus, adorei essa resenha e a metáfora do brigadeiro foi perfeita.
    então imagine eu que enjoo na primeira colherada? eu tinha colocado esse livro na minhs lista de leituras tem poucos dias, mas agora depois dessa resenha não sei se eu irei gostar dele, sou muito enjoada de romances melosos, detestoooo

    ResponderExcluir
  10. Que capa mais fofa a desse livro, embora eu não seja muito fã de rosa!

    Mas pelo jeito, é fofo demais... Clichês não são legais!

    Sua resenha demonstra claramente seu desapontamento com o livro, de modo que faz qualquer um nem sequer olhar para o livro. Eu não, quero, por exemplo XD

    Até porque fiquei sem entender a história contada, qual clichê que é...

    Abraços!
    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir
  11. Com a chuva de elogios eu estava realmente preocupada em ler esse livro e não gostar. A preocupação era de me sentir a estranha caso não curtisse como todo o resto do mundo. Agora, lendo sua resenha acho que consigo entender um pouco melhor e também saber o que realmente esperar.
    Acho que os exageros estragam as coisas e a melhor parte que explica tudo foi sua analogia com o brigadeiro... Eu amo brigadeiro e sim, ao final de uma panela juro que não quero mais saber de chocolate (até passar um tempo e eu voltar ao brigadeiro...rs). Uma pena que não é um livro onde a dosagem entrou.
    E essa coisa de final misturado? Hum... é um risco muito grande misturar tristeza e felicidade sem forçar a barra....
    Ainda quero ler, mas não vou mais com tanta sede ao pote!
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir