quarta-feira, 26 de abril de 2017

[Resenha] Sway, Kat Spears

Título: Sway
Autora: Kat Spears
Editora: Globo Alt
Páginas: 256
Onde comprar: Amazon | Saraiva | Submarino 
"Se não for pedir muito, eu gostaria de passar o resto da vida tentando merecer você."

Jesse Alderman pode conseguir qualquer coisa. Drogas ilícitas, expulsões, namoradas, esquemas para ganhar dinheiro e vingança. Praticamente todo mundo deve um favor a ele. Praticamente todo mundo já entregou um segredo em suas mãos.

Jesse Alderman é bonito, confiante e... Sway. Ele consegue qualquer coisa. Ele é "o" cara. Um anti-herói.

Bridget, é o nome da garota que colocou tudo por água abaixo. Ele deveria se aproximar dela apenas para obter informações para um "cliente", mas conhecê-la foi um erro. Sway não deveria ter sentimentos - mas ele tem, e os esconde muito bem por detrás de seu sarcasmo exagerado. Mas é impossível esconder qualquer coisa de Bridget. Ela soube enxergar através dele.

"- Por que tudo o que você toca fica tão complicado?
- Não há nada de complicado sobre o que sinto por você."

"Sway" não é bem avaliado pela maioria. Gostaria de entender o porquê, sinceramente. Mesmo não sendo uma grande fã de histórias YA, eu seria capaz de gritar bem alto na rua que amei de paixão essa. Os olhos voam pelas páginas, recheadas do tipo de humor mais ácido e inteligente, recheadas de cenas engraçadas e de partir o coração também. Porque Jesse não é só um anti-herói; ele é sincero, uma pessoa capaz de amar do jeito dele: xingando, dando socos no melhor amigo - mesmo ele tendo paralisa cerebral e sendo o irmão caçula da garota que ele gosta -, usando favores pendentes para ajudar quem tocasse seu coração - sem que alguém soubesse -, indo visitar um velho ranzinza numa casa de repouso, mesmo depois de seu acordo ter terminado. Jesse é um babaca, sabe disso e não tenta mudar... porque, bem, não vai adiantar. Jesse é um babaca, mas tem um grande coração. 
"Talvez você não possa esconder coisas sobre si mesmo como o jeito que você anda ou fala, mas todo mundo está mentindo o tempo todo sobre quem é, o que sente"

Há muito tempo eu não gostava tanto de um personagem. Sway é o tipo de garoto que te faz rir, chorar, e também sentir raiva. Ele é imperfeito, uma má influência completamente amável. ~ estou sendo contraditória de propósito. Já Bridget é previsível. Uma personagem sem sal, barbiezinha demais, se querem saber. Todo crédito do livro vai para o protagonista e para os coadjuvantes - que conquistam tanto quanto o principal, e que, muitas vezes, roubam a cena. Já ela não tem nada de diferente ou criativo. Paciência, nada é perfeito.

"Sway" é uma leitura muito leve e totalmente agradável. A narrativa é tão fluida e a história tão interessante que, se você piscar, acabou. Serei uma ovelha negra e darei nota máxima à Jesse Alderman! 
"Eu era um monstro. O tipo de monstro que bate num moleque com paralisia cerebral, que vende uma menina doce como a Bridget para quem paga melhor, que não se importa em como os outros se sentem, porque eu não tenho sentimentos próprios.
O tipo de monstro que não sobrevive para ver o final de um conto de fadas."
Classificação:

19 comentários:

  1. Oi, Bruna! Esse livro deve ser bem prazeroso de se ler, ainda mais com seu entusiasmo na resenha. Que bom que a leitura tenha lhe agradado tanto. Geralmente estórias de YA não chamam minha atenção, mas vez ou outra eu acabo lendo alguns, e me surpreendo. Abraço!

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Eu também já fiz essa leitura e gostei muito. A narrativa é muito envolvente, e eu adorei poder conferir sua resenha (ainda mais porque me identifiquei bastante com as impressões). Sway é mesmo um ótimo personagem, foi feito um desenvolvimento e tanto em cima dele. A foto do post ficou linda ♥
    Beijos, F

    ResponderExcluir
  3. Ainda não tinha visto e nem lido nada sobre este livro e duas coisas me deixaram bem interessada nele: o personagem te fazer rir. Sempre valorizo isso. E claro, a leitura fluida e rápida.
    Adorei a dica.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Oi, li esse livro e também não sei como ele é pouco avaliado, eu amei a leitura. Eu amo Yas! E esse, com toda a certeza, está entre um dos meus favoritos. E eu acho ele muito bem construído, apesar de ser bem garotinha, a Brid deve ser assim pra não tirar o brilho de Sway? Talvez, né, ao menos foi o que imaginei quando li. Com certeza é um livro bom e lê mais Yas, acho que você pode se surpreender com o que pode achar.

    www.porredelivros.com

    ResponderExcluir
  5. Olá, Bruna.
    Menina, que resenha maravilhosa!!! Adorei!!!
    Caso o livro seja chato você conseguiu torná-lo interessantíssimo na minha opinião. Quero ler!!!

    ResponderExcluir
  6. Olá,

    Já tinha visto o livro por aí, mas não sabia bem do que se tratava e sua resenha me deixou interessada. Pelo o que você disse, Sway é um cara totalmente apaixonante, mas que não é tão boa influência e acho que só por isso já me conquistou. Uma pena Bridget ser sem sal, mas acho que só pelo protagonista vale a pena e a história parece ser ótima. Amei a resenha!

    www.virandoamor.com

    ResponderExcluir
  7. Olá!!
    Ai! Esse livro! Está na minha lista a um tempão (por falta de oportunidade) e só vejo comentários favoráveis sobre ele! Minha vontade aumenta ainda mais por lê-lo quando leio uma resenha tão favorável como a sua!! E essa capa? Linda linda!
    Enfim, parabéns pela resenha! Espero lê-lo ainda esse ano e sentir a mesma empolgação que a sua e os demais, pois me parece ser um bom livro (apesar da protagonista sem sal).

    ResponderExcluir
  8. Oi, e uau! Primeiramente essa capa já me chama atenção e não sei como nunca ouvi falar dele até agora, mas confesso que essa protagonista sem sal me desanima bastante. Só de pensar em uma menina bleh, já chega a me dar preguiça. Por outro lado ele é um dos que me fazem querer ler e descobrir mais. Adoro histórias com toques ácidos e sarcásticos, sem falar sobre o fato de que ele não tenta ser alguém que não, mas ao mesmo tempo que é anti-héroi, ele tem seus momentos bons. Você já conseguiu me deixar apaixonada sem eu nem ter lido e vendo sua resenha não consigo imaginar alguém que não gostaria! Amei <3 Leitura mais do que já adicionada!
    Um beijo
    www.brookebells.com

    ResponderExcluir
  9. Oi Gabrielle!

    Tudo bem? Achei a capa absolutamente linda e chama a atenção de qualquer pessoa numa livraria. Globo Alt é faz um trabalho maravilhoso com os livros deles!

    Ainda não conhecia a obra e achei que o fato de você ter conseguido se afeiçoar ao Sway fez toda a diferença nesse caso. E pra falar a verdade no seu lugar eu provavelmente iria gostar muito dele pelo jeito que o descreveu, então seria meio caminho andado pra gostar do livro.

    Gostei muito de saber que a história é fluida e a narrativa agradável, às vezes é necessário um livro mais leve para abrandar momentos da vida mais pesados. Ótima resenha.

    Beijinhos - Jessie
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  10. Oie! Tudo bem?

    Eu já havia visto esse livro por ai, mas nunca cheguei a realizar uma leitura dele, mas depois dessa sua resenha com certeza irei atrás para ler essa obra e conhecer mais da história dele, tem tudo para ser um dos meus YA favoritos!

    BJss

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Realmente, não vi muitas resenhas positivas de Sway por aí, mas adorei a sua e confesso que fiquei morrendo de vontade de ler por causa dessa paixão pela história que você nos relatou. Adorei poder conferir as suas considerações, espero curtir a leitura tanto quanto você.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Oi Gabrielle!

    Eu gostei muito do que você disse sobre Sway, adoro personagens engraçados e ele ainda parece ser tão cativante que realmente bateu aquela vontade de ler.

    O fato de ser uma narrativa fluida me fez ficar ainda mais interessada no livro. Às vezes procuro uma leitura leve e agradável, como você disse que Sway é, pois acabei de ler algo pesado e cheio de dramas então preciso de um livro que seja o contrário. Vou deixar anotado para quando isso acontecer.

    Aninha
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  13. Olá,

    Eu não conhecia a obra e confesso que fiquei bem interessado. A premissa apresentada chamou muito a minha atenção, e eu adoro personagens que conseguem me transmitir várias emoções. Anotei a dica, irei fazer a leitura da obra assim que surgir uma oportunidade, amei! ♥

    → desencaixados.com

    ResponderExcluir
  14. Olá!!
    Não conhecia esse livro e lendo a sua resenha me deu uma vontade enorme de catar ele em algum canto e começar logo a ler,adoro protagonistas assim com mil facetas só não sei se teria paciência pra Bridget...

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/2017/04/resenha-o-sol-tambem-e-uma-estrela.html

    ResponderExcluir
  15. Olá, Gabrielle.
    Até eu fiquei encantada e curiosa para conhecer o Sway. Quero saber se ele também vai me provocar essas contradições de sentimentos.
    Adorei a capa, se eu não soubesse nada sobre a história, só a capa já teria me conquistado.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  16. Oi, tudo bem?
    Olha, você descreveu os personagens e preciso dizer que eles não me agradaram em nada. Estou assustada com Jesse hahahaha.
    Esse não é o tipo de livro que estou acostumada a ler, embora já tenha lido um e confesso que não gostei da experiência que tive...
    Acho que, hoje, passarei a dica :/


    ourbravenewblog.weebly.com

    ResponderExcluir
  17. Nunca vi este livro é terminei a resenha querendo saber como não li este livro ainda!
    Amei a resenha me deixou super curiosa em encontrar estes personagens maravilhosos no mundo literário !
    Quero me apaixonar por eles tbm
    Quotes incríveis
    Qro conhece sway precisooo

    ResponderExcluir
  18. Oie...
    Bru, com uma resenha dessa fica impossível não querer ler o livro! Amei todos os seus comentários, e você falou com tanta convicção que já anotei aqui nos meus desejados... De tudo que você mencionou o que mais gostei foi o fato de ter esse humor mais ácido e inteligente, com certeza irei curtir :)
    Precisa dizer que quero ler???
    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Olá!
    Já havia visto esse livro nas redes sociais, mas nunca me aprofundei no conhecimento. No entanto, gostei de saber que se trata de um romance com um anti-herói que terá sua fama à prova e ainda será domado. Gostei bastante da proposta e já quero ler.
    Abs
    Nizete
    Cia do Leitor

    ResponderExcluir