sábado, 1 de abril de 2017

[Resenha] Aos olhos de Zoe, Camila Peregrini - Projeto Lendo com uma Amiga #7

Olá leitores,

Hoje temos a resenha de Aos olhos de Zoe, escrito por Camila Pelegrini, que foi lido em conjunto com a Thamiris (Blog Historiar) para o Projeto Lendo com uma Amiga
Sinopse: O que você acha que seu cachorro diria sobre a sua vida? Como ele contaria sua história?
Bem, a sua eu não sei, mas a de Melissa, Zoe revelou perfeitamente.
Após ser resgatada da rua, a cachorrinha mais sábia de todos os tempos acompanha a trajetória de sua nova família, relatando a história do fim de um amor e do começo de outro, apontando suas dúvidas sobre os erros humanos e fazendo das menores coisas do dia a dia a sua felicidade infinita.
É mais do que um romance. É um ensaio sobre a amizade, a fidelidade e o amor em sua forma mais pura. É Zoe salvando aqueles que um dia a resgataram.
Seja bem vindo à história de uma vida retratada "Aos olhos de Zoe". 

Opinião da Bru (minha opinião)

Aos olhos de Zoe nos apresenta à história de vida de Melissa – ou Mel, para os íntimos – pelos olhos de Zoe, uma cachorrinha que foi resgatada da rua por Mel na véspera de ano novo. 
“(...) Ela ficou em pé, sorrindo.
A, não, pensei. Fora mais rápido do que esperava e ela já estava indo embora. Mais uma. Tal como minha antiga família havia feito.
(...)
A moça, sem ao menos lançar-me uma última olhada, caminhou até o carro que estava parado logo em frente ao mercado.
Abriu a porta que dava para a calçada e virou-se para mim.
- Vamos para casa?”

Após esse lindo resgate, Zoe vai nos contando como é a vida de Mel com seu marido, Lucca. Sobre como no começo tudo parecia muito certo e o casal era feliz, até ele encontrar um emprego e mudar sua personalidade drasticamente, começar a chegar tarde e parecer indiferente às duas.

Zoe vai nos mostrando como a vida deles. A cachorrinha vibra a cada conquista da sua nova amiga – sim, porque Mel é amiga, não dona – e a ajuda a superar cada momento de sofrimento. Zoe nos mostra como o amor de um animal é importante em nossas vidas para nos fortalecer, nos amar acima de tudo e, principalmente, restabelecer nossa alegria, quando a perdemos. 
“E que sorte a minha. De todas as raridades do mundo inteiro eu tinha duas em minha casa.”

Zoe é um animalzinho que transmite apenas uma coisa: amor. Ela ama incondicionalmente sua amiga, Mel, e tem em mente que precisa fazer tudo para vê-la bem. Mel é uma mulher que tem um coração extremamente generoso. Pela forma como Zoe a descreve, ela é uma mulher que abraçaria e cuidaria do mundo, caso pudesse fazer isso. Enquanto as duas transmitem amor, Lucca transmite ambição e uma busca desenfreada por ter mais, mais e mais. Essa ambição foi algo que me incomodou ao extremo e mostrou o lado ruim do ser humano. 
“Ver aqueles dois sóis no rosto de Melissa era o suficiente para iluminar todo o dia. Talvez não fosse para iluminar o de Lucca.”

Também temos Gabriel, um anjo em sua aparência e atitudes, Alegra, filha de Gabriel e uma criança inteligentíssima e apaixonante, e Nica a cachorrinha de Gabriel e Alegra. Esses três são personagens que gostaria de trazer para a vida real e transformá-los em meus amigos. A vida dessas duas famílias irá se entrelaçar e muitas coisas acontecerão.

Amei esse livro com todas as minhas forças. Todas as expectativas que eu sentia com relação a essa obra foram ultrapassadas e o livro foi muito melhor do que esperava. Todos os personagens principais – com exceção de Lucca – são apaixonantes e dão aquela vontade de trazê-los para a vida real para tê-los ao nosso lado. 
“Tenho a impressão, em alguns momentos, que os dias não têm todos a mesma duração. Alguns lembram a visita de um beija-flor: chegam repentinamente e, antes que se possa de fato apreciá-lo, já se foram. Outros, especialmente aqueles em que se anseia por alguma coisa, arrastam-se como quem sai da cama na manhã de segunda-feira.”

Por fim, Aos olhos de Zoe é um livro que faz a gente pensar sobre como o amor é importante em nossas vidas, seja ele de qualquer tipo. Além disso, esse livro é para todos os públicos. Se você ama cachorro, esse livro é para você. Se você odeia cachorro, esse livro é para você. Se você está feliz, também indico esse livro para você. Se está triste, esse livro precisa ser lido por você. Enfim, não existe desculpa para não ler esse livro. Lê-lo é fazer seu coração se encher de amor e esperança de que o ser humano possa aprender algo e ver a vida como a Zoe ver.

Se você não leu, leia esse livro. Se você já leu, compartilhe ele com o mundo, pois o mundo precisa conhecê-lo. 
“Se tentassem, vez ou outra, olhar para o céu e se permitissem ser felizes por tudo o que têm, em vez de lamentar pelo que ainda não possuem, haveria a possibilidade de serem tão feliz quanto eu sou.”

Opinião da Thami

Terminei de ler Aos olhos de Zoe depois de algumas dificuldades. As últimas páginas foram muito complicadas para mim, tanto, que quando eu pensava em ler logo para terminar, meu coração acelerava. Quando finalmente consegui concluir, senti tanta coisa ao mesmo tempo! Nossa! Isso está um pouco confuso, vou tentar me explicar melhor: Zoe ganhou meu coração. Ela é, em essência, tudo o que existe de maravilhoso no mundo, afinal, ela é um catioríneo. Tem coisa mais pura? Não tem. 
“Eu era apenas parte do coração de Mel, mas ela era todo o meu.”

A narração de Zoe foi um fato inédito na minha vida de leitora. Sempre li livros com animais como protagonistas, mas nenhum deles é narrado pelo próprio animal. Essa novidade foi maravilhosa e emocionante. Tudo aquilo que eu sei que os animais sentem, Zoe demonstrou. Minha nossa, como eu sofri com suas reflexões! Como eu senti meu coraçãozinho acelerar com cada observação que Zoe fez acerca das coisas que a cercam. 
“Zoe é puro carinho, fofura e companheirismo. Um carrapato ou outro de vez em quando, mas é só. Não sei para vocês, mas uma dose dela me parece mais saudável que uma dose de muito ser humano.”

Camila Pelegrini deu vida a uma história incrível! E a escrita da autora é convidativa e agradável.  Se não fosse o meu coração fraco, eu leria o livro num instantinho. Com Aos olhos de Zoe, sentimos com uma intensidade e força indescritível os sentimentos que os cachorros sentem diante dos homens. O quanto eles são puros e melhores que nós. O quanto eles sofrem quando são abandonados, e o quanto vibram quando recebem amor. Mas, acima de tudo, Aos olhos de Zoe nos mostra como a amizade de um cão por um homem é eterna e fiel. 
“Não faço nada por maldade. Na verdade, nem conheço o significado desta palavra. Acho que tal coisa é uma espécie de exclusividade dos humanos.”

Estou apaixonada por este livro. Simplesmente apaixonada. Amei cada pedaço e acredito que você também possa amar. Indico o livro para qualquer pessoa, sem exceção, pois acredito que todos nós, independente de amar ou não animais, têm muito o que aprender com eles.

Classificação:

11 comentários:

  1. Oi Bru
    Amei saber que gostou do livro. Pra Thami eu já havia dito que ela iria amar e acertei. Esse livro é muito amor. Eu também queria trazer eles pro mundo real, mas eu sinto como se a Camila, autora, fosse um pouco a Mel ♥

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir
  2. Oiii *- * Simplesmente amei sua resenha *-* o livro parece ótimo! A capa é muito fofa aliás!
    Beijos
    http://osdeliriosdeconsumodeumaleitora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Sua linda!!!

    Já declarei meu amor no face, mas fiquei ainda mais feliz por ler essa resenha incrível.
    Muito, muito obrigada por todo o carinho pela Zoe <3
    Amei!

    ResponderExcluir
  4. Oi, Bruna! Puxa, pelo entusiasmo de sua resenha pude perceber que a obra é edificante, daquelas que nos ensina muito ao ler. A capa desse livro é tão singela e ao mesmo tempo atraente. Abraços!

    www.marcasliterarias.com.br

    ResponderExcluir
  5. Acho que foi a nossa leitura mais rápida! Hahaha. Amei Zoe. Adorei ler contigo, é sempre bom compartilhar impressões com alguém tão sensível quanto você.

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem?
    Dizem que esse livro é maravilhoso, mas ainda não tive a chance de ler!
    Espero ler em breve.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  7. Oi Bruna, tudo bem?

    A cada resenha que leio deste livro tenho mais certeza que devo ler a obra. O livro pareces er puro amor, além de trazer uma bela lição pra a vida de todos. Livros e filmes que possuem animais são meu fraco, então creio que ficaria apaixonada pela Zoe e iria sair distribuindo mais amor depois da leitura. Adorei a resenha e saber o ponto de vocês duas!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Oi.

    Já conhecia o livro, apesar de ainda não ter lido. Ele já está na minha lista de futuras leituras, só preciso encontrar um tempo para realizar a leitura.

    ResponderExcluir
  9. Realmente é um desafio escrever sob o ponto de vista de um animal. Precisamos ser muito empáticos para conseguir passar as sensações de forma verídica e eu sei que a Camila conseguiu isso de forma plena! Não li o livro ainda pq minha mãe e agora minha irmã raptaram ele, mas lerei assim que consegui-lo de volta! rs As resenhas ficaram lindas! Parabéns!

    ResponderExcluir
  10. Oi Bru!
    Tem como não amar a Zoe? A escrita da Camila é linda, e ela passa tanto sentimento para as páginas que fica impossível não se apaixonar pelos personagens dela, ainda mais sendo uma cadelinha tão cheia de amor!
    Amo a Zoe e sou a pessoa mais suspeita para falar dela.

    Beijokas

    ResponderExcluir
  11. Olá, meninas.
    Nunca li uma resenha negativa desse livro, todas elas transbordam amor pela Zoe.
    A capa do livro é linda e a resenha de vocês só me deixou mais curiosa para ler o livro que já está na minha lista de leituras!

    ResponderExcluir