segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

[Resenha] A Vadia, Gislaine Oliveira

Título: A Vadia
Autora: Gislaine Oliveira (cortesia)
Editora: Amazon
Páginas: 220
Onde comprar: Amazon

A Vadia foi um livro que, desde quando começou a ser anunciado, chamou minha atenção. Afinal, quem nunca quis saber o que existia do lado de lá? O que a mocinha que tentava separar o casal perfeito sentia ou fazia? Eu sempre quis. E, de certa forma, a Gislaine conseguiu apresentar muito bem.

Nesse livro somos apresentados à Sammy, a vadia. Ela é uma garota normal, é linda e completamente apaixonada por seu melhor – e único – amigo, o Luiz Henrique, um garoto que ninguém gosta, pois é negro. Tudo ia muito bem – quer dizer nem tanto – mas as coisa pioram quando lançam uma mentira na escola e Sammy passa a ser conhecida como vadia
“Hoje sei: uma ação de ódio gera outra e mais outra, formando um ciclo sem fim.”

Muitos, na situação de nossa protagonista, se descabelariam e sofreriam ao extremo com o que os outros falam, mas Sammy é diferente. Ela não se importa e acha que fazendo isso fará as fofocas pararem, mas elas só aumentam e tornam-se ainda pior. 
“As pessoas adoram um boato. Acho que às vezes elas até sabem que aquilo não é verdade. Mas uma mentira, geralmente é mais interessante do que a realidade.”

Primeira coisa que você precisa saber, leitor, é que esse livro não é só mais uma história sobre uma menina que sofre bullying. Esse livro vai muito além disso. Ele tem uma personagem forte com uma personalidade bem construída que liga o foda-se para o que os outros pensam dela, pois, o que realmente lhe importa, é o que ela sabe que é de verdade. E isso é muito legal se não fosse muito idealizado. Sim, eu acho idealizado, pois, apesar de eu não me importar com o que falam ou pensam de mim, estou longe de ser como a Sammy e idealizo ser como ela um dia. Esse foi o motivo que me fez tirar um ponto da obra.

Conversei com a Gislaine sobre essa idealização e ela me explicou que a personalidade da Sammy, tão nova, é mais ou menos o que ela conseguiu depois de velha e aí percebi que esse sonho pode ser real para todos nós. 
“Se você vê uma injustiça, mas não faz nada para mudar, então quem disse que você é melhor do que quem comete tal ato?”

Bem, vocês devem estar se perguntando: ok, mas e a parte de separar o casal perfeito? Lembra que eu disse que a Sammy é apaixonada pelo Luiz Henrique? Pois é, ele também achou que gostava dela, eles chegaram a namorar, mas chegou ao fim, não deu certo. Acho que porque, de certa forma, eles confundiram o que sentiram. Luiz Henrique começou a namorar e todas as fofocas que as pessoas da escola de Sammy faziam, parecia que ela queria separar seu amigo da namorada, o que não é verdade.

A Vadia é uma leitura muito boa e que faz o leitor refletir sobre todas as coisas que ouvimos por aí, sobre aquelas mulheres que falam de outras que tentaram roubar seus maridos ou namorados, sobre homens que falam que mulheres vadias porque foram para a cama com ele no primeiro emprego, sobre nós mesmas termos essa rixa com ex-namoradas dos nossos namorados, sobre não aceitarmos um negro na nossa sociedade, sobre a homossexualidade ser um tabu para muitos, sobre todas nós sermos vadias, pois é isso que somos. 
“A gente sempre tem esse discurso pronto de que fulana é linda e nunca terá problemas amorosos. Como se isso fosse verdade. Esse discurso apenas serve para perpetuar a ideia de que somos apenas a aparência e nada mais importa.”

Foi uma leitura que, salvo alguns pontos, acrescentou muito e empoderou a mulher de uma forma que não seria capaz de ver, o que me deixou muito feliz, principalmente, por jovens terem a oportunidade de ler esse livro. Nem preciso dizer que a leitura é mais do que recomendada, não é?

Por fim, mas não menos importante, a Gislaine deu um depoimento e propôs o movimento #somostodasvadias. E, bem, pessoal, eu sou vadia porque uso decote, porque uso biquíni e não tenho medo de andar na frente dos homens e, principalmente, porque gosto de expor minha opinião seja para quem for. 
“Como pude julgar sem conhecer alguém?”

Classificação:

38 comentários:

  1. Oii!!

    Eu gosto das histórias da Gislaine, são bem realistas e originais. Esse livro A Vadia, me lembra aquele filme A Mentira, que a personagem principal começa a receber ameaças e ofensa por uma mentira, daí ela acaba tornando tudo real.

    Beijos

    http://mecontanoblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi Bruna, quando eu vi a premissa desse livro também fiquei mega interessada. Porque estamos cansadas de ler as histórias contada pelos personagens que sofrem nas mãos dessas meninas "malvadas" né. O que será que acontece com elas?
    Estou louca para conferir a obra e sua resenha só atiçou minha curiosidade.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  3. Olá,
    eu adorei essa resenha e não conhecia esse título. Fiquei curiosa com essa história, parece abordar um tema muito legal, e talvez algo voltado para o movimento feminista.
    Adorei e blog e comecei a seguir ;)
    leituravorazblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem?
    Já tinha visto esse livro e pensei que fosse totalmente diferente do que li na sua resenha, é incrível como ainda temos a capacidade de julgar somente pela capa não é? Resultado, depois que li suas impressões sobre ele, resolvi adicioná-lo a minha meta de leituras desse ano, o problema é que a meta já está grande e a tendência é apenas crescer, mas vou conseguir ler!

    beijinhos.

    https://leiturize-se.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oláá! Tudo bem?
    Muito legal o seu ponto de vista sobre o livro e o fato de ter conversado com a Gislaine sobre isso! :)
    Também fiquei super curiosa quando comecei a vê-la anunciando e estou doida para ler esse livro!
    beeijo

    http://lecaferouge.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi Bruna, tudo bem?

    Eu sempre visito o blog da Gislaine e gosto muito das colocações dela. Tenho bastante curiosidade de ler o livro, já que ele aborda temas bem interessantes.

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  7. Ola
    Eu ja pude conferir varias divulgações a respeito desse titulo, e realmente parece ser interessante, e claro, adorei poder conferir suas impressões sobre ele. Amo esse estilo de ambientação e entre outros elementos que você comentou, então com certeza gostaria de ler também. Acho que de resenha mesmo a sua é a primeira que leio, o que me despertou ainda mais o interesse por conta da abordagem que a autora desenvolveu. Dica anotada!!
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  8. Olá
    Nossa esse livro veio com tudo em? Essa autora já é famosa por conseguir altos público e eu inclusive faço parte dele, pois já li um de seus livros e quero muito ler esse lançamento kkk! Essa proposta da Gih tenho que dizer ser bem ousada, e acho que sem dúvidas ela acertou na ousadia pois as resenhas que li foram bem elogiadas e teve um ótimo recebimento dos leitores. Sobre a capa eu amei de mais. Até mais vê
    Bjk

    ResponderExcluir
  9. Oi, Bru!
    Em certos momentos eu fiquei com raiva da Sammy por ela não fazer nada, mas entendo bem esse comportamento dela porque é um patamar que quero chegar na vida hahhahah
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  10. Oie! Tudo bem? Eu acredito que em algum momento da vida, todos nós poderemos chegar onde a Sammy chegou em relação ao que falam sobre ela, eu estou lutando cada dia mais para que em certo ponto da minha vidas as coisas que falarem sobre mim não me atinjam mais, e passem a ser o que realmente são fofocas! Eu já havia lido outras resenhas desse livro e ficado curiosa sobre ele, e depois de ler a sua também, com certeza vou dar uma chance para ele!
    Bjss http://resenhasteen.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Olá,

    Desde do lançamento desse livro, fiquei bem intrigada com o enredo e querendo conhecer essa protagonista. É bom saber que o livro é mais do que uma história de bullying, é também reflexivo e essa personalidade da Sammy me deixou bem intrigada, já que dificilmente conseguimos nos desligar assim, principalmente dos comentários maldosos. Adorei ler suas impressões e esse é livro que pretendo ler em 2017!

    Abraços,
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Só de ler o título nunca leria essa obra, acho que devemos evitar coisas assim, as mulheres já sofrem tanto com desigualdade do sexo e tal, mesmo que seja uma personagens, acho que é desnecessário. Mas há quem goste.

    Abraços

    ResponderExcluir
  13. Oi Bruna, comprei este livro na pre venda da Amazon e ainda não li, está no kindle e a cada resenha que leio, mais animada e ansiosa fico para conhecer a trama e me deparar com o tema pertinente que ele traz. Espero que a leitura seja realmente boa para mim.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Adorei a resenha, Bru!
    Já tinha ouvido falar no livro, e apesar do título ter me intrigado, não sabia exatamente do que se tratava.
    Mas já quero ler só por ter empoderamento feminino na trama, mesmo com o detalhe que você não gostou muito!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  15. Oi Bruna, adorei sua resenha e ver que vc pode ter um contato direto com a autora e comentar conosco, fiquei intrigada e estou animada para conhecer A Vadia. Bjs

    ResponderExcluir
  16. Olá, eu acompanho o trabalho da Gi como blogueira e escritora, e estava curiosa para ver mais comentários sobre esse seu livor novo. Acho muito bacana a proposta desse livro, ainda mais por nos fazer enxergar que, enquanto mulheres forem inimigas umas das outras por motivos bobos, seremos sempre vadias.

    ResponderExcluir
  17. Oie...
    Fiquei mega feliz por ter encontrado essa resenha aqui! Desde quando ele foi divulgado senti vontade de ler, pois, meio que nunca tinha ouvido falar em um livro que trouxesse "a vadia" como protagonista.
    Apesar da ressalva, acho que será um livro que muito me agradará, pois, gosto de livros que falem sobre bullying. O fato de trazer essa rixa de ex namorado também é um fato interessante ;)
    Dica anotada!
    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Quero muito ler esse livro da Gis❤ amei a resenha!

    Bjs!

    ResponderExcluir
  19. Estou muito curiosa com esse livro. Meu medo era que ela colocasse essa idealização mas aí eu gostei que ela disse que é o que ela conseguiu com a maturidade. Espero também um dia chegar nesse nível. Beijos

    ResponderExcluir
  20. Oi, Bruna. Eu não conhecia essa autora, na verdade, nunca tinha me deparado com resenha a respeito de algum livro dela, então tive conhecido a partir de você - inclusive obrigada. Adorei a sua resenha, sem dúvidas, o livro faz o meu estilo desde que traz alto teor de reflexão abordando temáticas importantes do nosso cotidiano. Sem dúvidas, ''A Vadia'' entrou para a minha lista de leituras para 2017!

    ResponderExcluir
  21. Oi. Já tinha lido uma resenha desse livro, e tinha ficado muito interessada no livro. Faz muito meu estilo de leitura e por isso, já anotei o nome para ler depois. Quando vi a capa e li sua resenha, o livro me fez lembrar muito do filme A mentira, que eu adoro.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  22. Já vi outra resenha desse livro e disse o que será repetido agora: não leria esse livro.

    Por quê?

    O título me dá nos nervos. Sei que é por conta do bullying e blá blá blá. Mas isso só reforça os esteriótipos, foi uma péssima escola de título e garanto que teriam muitos outros melhores que fariam uma referência ao livro muito mais elegante e pontual.

    Não leria, mesmo com sua resenha positiva.

    Abraços!
    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir
  23. Olá! Realmente esse livro foi bem divulgado; e também desdo inicio me chamou atenção conhecer o outro lado... Saber que o livro tem uma personagem forte e com personalidade bem construída só me atrai mais. Adorei a resenha, porém ela me deu spoiler ao dizer que na verdade Sammy não queria será o ex da atual namora que era só fofoca, eu imaginava porém não tinha certeza se era isso. Beijos'

    ResponderExcluir
  24. Olá Bruna, tudo bem?

    Infelizmente o título não me chamou atenção. Na realidade, é bem vulgar né, rs. Não gosto de coisas assim não, rs.

    Beijos

    ResponderExcluir
  25. Olá!
    Ouvi falar muito da Gi e desse lançamento, estava louca para conferir uma resenha deste livro. Fiquei bem empolgada para ler, nada melhor que uma protagonista forte para me fazer gostar de um livro. Amei a resenha!
    Beijos,

    Luana

    ResponderExcluir
  26. Olá Bruna, tudo bem?
    Adorei ver tua opinião deste livro, é algo bem parecido com as opiniões que tive ao lê-lo. Essa obra merece virar um best-seller por trazer um enredo tão inovador e deixar muitos conscientes pelos rótulos que deixamos em várias pessoas. Amei sua resenha, assim como amo tudo que você escreve.

    ResponderExcluir
  27. Olá!
    Eu sou louca para ler esse livro, eu acompanhei a época de lançamentos, desde quando foi anunciado a capa, até a sinopse, trechos e tudo mais. Eu quero muito ter a oportunidade de ler e espero conseguir isso em breve. A Gislaine é uma fofa e adoro acompanhá-la pelas redes sociais, porque da pra saber como é a opinião dela sobre toda essa coisa de ser uma "vadia".
    Beijos,
    Nay
    Traveling Between Pages

    ResponderExcluir
  28. Oie
    a cada livro eu fico mais curiosa pela leitura poios parece ser um enredo mega interessante, gosto muito de historias que retratam o bullying e acho o titulo bem chamativo

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  29. Oie!!
    Que resenha linda!
    Eu acompanhei a semana de divulgação desse livro em vários blogs e agora a sua resenha fechou com chave de ouro a minha decisão de querer ler o livro de fato!

    beijos
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  30. Interessante a história, mas eu achava que o enredo seria diferente.
    Vi bastante divulgação por aí e minha mente voou longe... hhuahuahu
    Gostei bastante de sua resenha.
    Sanou minhas duvidas e curiosidades.

    Ana
    https://literakaos.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  31. Oie!!!
    Eu realmente achava que a estória seria sobre o bullying, afinal a personagem é nova e sofre uma rotulação que parece não lhe ser verdadeira.
    Também concordo que se a personagem sofresse um pouco, mesmo que calada, e mostrasse a outra face àquela sociedade que a rotulou a estória seria mais crível. Mas como voce mesma falou tirando esse aspecto a temática e bem interessante
    Valeu a dica!
    Mil Bjinhos ;)
    Elaine M. Escovedo
    Caminhando Entre Livros
    Http://www.caminhanfoentrelivros.com.br

    ResponderExcluir
  32. Oieee
    Tudo bom?
    Já tinha ouvido falar desse livro, mas é a primeira resenha que leio.
    Gostei dá forma que a autora abordou o builling, mas a personagem só pela resenha me cativou por ser bem resolvida.
    Adorei sua resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  33. Nossa, eu lembro quando a autora começou a divulgar esse livro, cheguei até mesmo falar um pocuo sobre ele lá no blog, e confesso que gostaria muito de lê-lo, principalmente para saber se alcança as minhas expectativas. Achei legal Gislaine falar sobre o projeto no fim.

    Um abraço!
    Parágrafos & Travessões

    ResponderExcluir
  34. Oieee,tudo bem??/ Eu acompanho esse livro desde a divulgação e simplesmente sou LOUCAAAAA pra ler. Acho que mesmo tendo uma pegada teen ele é bem inovador quando nos traz uma visão diferente dos fatos né? Quero muito fazer essa leitura que, inclusive, está na minha wishlist! Bjosss

    http://porredelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  35. Oi, bru, que bacana ver que esse livro trata de empoderamento, eu gosto desse tipo de obra, uma pena que ficou um tanto idealizado a personagem dela, mas já fiquei super feliz e satisfeita que a escritora foi uma querida em aceitar sua crítica e ainda conversar sobre ela com você, não são todos os escritores que são tão gentis assim. Eu ouvi falar muito desse livro e me sinto super intrigada, por isso espero poder ler em breve.

    ResponderExcluir
  36. Oi, tudo bem/
    Achei a premissa bem interessante e em partes me lembrou ao filme A Mentira, acho que se você assistir, vai gostar.
    A personagem aparentam ter uma certa coragem que falta em algumas personagens femininas do gênero romance.

    ResponderExcluir
  37. Olá!!
    Não conhecia a autora e nem o livro e cara AMEI a ideia do livro e já tô super curiosa com essa leitura,achei genial o título e a premissa da estória,já quero saber como é a vida Sammy e por td que ela tem que passar!!!

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/2017/01/beco-club-novo-parceiro-do-blog.html#comment-form

    ResponderExcluir
  38. Oi querida,
    Eu gostei do enredo e o que me cativou foi a sua sinceridade sobre o livro. Não acredito que estou doida para ler esse livro. É diferente dos que lemos sempre. Ela conta uma história bem clichê, mas com a narrativa inversa incrível.
    Adorei a resenha querida, e vou procurar mais sobre o livro ♥

    Beijoss, Enjoy Books

    ResponderExcluir