terça-feira, 17 de janeiro de 2017

[Resenha] Os delírios de consumo de Becky Bloom, Sophie Kinsella - Becky Bloom #1

Título: Os delírios de consumo de Becky Bloom
Autora: Sophie Kinsella
Série: Becky Bloom #1
Editora: BestBolso
Páginas: 363
Onde comprar: Saraiva | Submarino

Sempre ouvi muitos elogios para a autora e, após ver um projeto da Bárbara Sá, Segredo entre amigas, decidi que 2017 seria o ano que faria isso e leria toda a série Becky Bloom da autora, afinal, o filme já tinha sido muito bem. Antes de mais nada, devo dizer que logo no começo do ano li o livro O segredo de Emma Corrigan, da mesma autora, e gostei do encontrei.

Os delírios de consumo de Becky Bloom nos apresenta à história de Becky Bloom. Ela é uma compradora compulsiva. Comprar é uma coisa que a satisfaz, que a deixa feliz, mas que também a meteu em diversos problemas. Suas dívidas com o banco são extremamente altas e ela vive arrumando desculpas para o seu gerente, Derek Smeath, e a assistente dele, Erica Parnell, para evitar o contato, mas não para de gastar.

Não sei ao certo qual foi o motivo dessa decepção que sinto após concluir a leitura, não sei se foi pelo fato de minhas expectativas estarem altas demais ou por a Becky não ter me agradado tanto assim, mas o fato é que a decepção está presente no meu coração.

O livro começa com uma carta, datada de 1997, de um banco falando que a Becky ganhou uma conta garantida por sua formação. Logo após, temos cartas do mesmo banco informando os débitos de Becky e lamentando suas falsas doenças.

Becky é jornalista financeira – grande ironia, não? -, mas ela não se empenha em sua profissão. Utiliza dos dias que vai às entrevistas coletivas para passear entre as lojas e fofocar com sua amiga, Elly, ou seja, ela não se atenta a nada. Escreve seus artigos com base nos releases que eles disponibilizam.

É uma dessas entrevistas que Becky conhece Luke Brandon um homem que é conhecido como mau por todos, mas que faz o coração de Becky dar uma leve pulada – claro que ela não liga para isso, pois uma compra numa mega promoção a esperava.

A vida de Becky, portanto, é resumida como uma mentira. Não consigo encontrar outra forma de descrevê-la. Ela mente sobre tudo para todos e esse foi um dos pontos que mais me incomodou. Entendo a compulsão dela por comprar coisas – pois me sinto assim com livros – mas não consigo aceitar essas mentiras em cima de mentiras, principalmente para os pais e para a melhor amiga, Suze, que faz tudo por ela.

Como se não bastassem todas essas mentiras, Becky fantasia demais sobre as coisas. Por exemplo, ela está endividada e não tem como pagar, mas acha que pode jogar na loteria, é isso que faz e sai da casa de aposta com a certeza de que vai ganhar e fazendo inúmeros planos. Claro que você sonha em conseguir algo assim, mas ela fantasia demais. É como uma criança que vê uma modelo e se fantasia naquela situação. 
“Engulo em seco, sentindo-me doente de humilhação. Pela primeira vez percebo como Luke Brandon me vê. Como todos eles me veem. Sou apenas uma comédia, são sou? Sou uma garota fútil que faz tudo errado e faz as pessoas rirem. (...) A garota que ninguém jamais pensaria em levar a sério. (...)”

Apesar desses pontos negativos o livro é realmente bom – e aí está a maior ambiguidade do mundo – ele é engraçado, você lê tão rápido que nem nota e ele funciona com um bom entretenimento, além de mostrar que a Becky amadurece um pouco – bem pouquinho – perto do final.

Como estou participando do projeto da Bárbara, pretendo ler todos os livros da série e estou pedindo aos Deuses dos Livros que Becky amadureça e me conquiste como Luke conquistou.

Classificação:

15 comentários:

  1. Oii, já comecei a ler a versão em inglês ,mas na época tinha tanta coisa para fazer que desisti, adorei sua resenha e confesso que agora vou adiar um pouquinho mais para ler haha

    Beijinhoss

    www.brilhou.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Bru! A Sophie é uma fofa né, amo os livros dela. Já conheço a história desse pelo filme mas ainda não li o livro.
    Estou lendo agora A Lua de Mel, já leu?
    Beijos
    [SORTEIO] Aniversário de 1 Ano: Livro - Perdida
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  3. Olá!!

    Acredita que não li nada dessa autora? Pois é! Ma quem sabe esse ano, não é mesmo? Eu também vi esse projeto da Barbara Sá, mas resolvi não participar, pois quero primeiro começar conhecendo a escrita da autora e não por um série, apesar de só ter ouvido coisas boas. gostei muito da sua resenha porque ainda não tinha pesquisado sobre o que falava esse livros da Sophie, só sabia o básico. Parabéns.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Oi Bruna, tudo bem?

    Nas últimas semanas li umas 3 resenhas desse livro e confesso que tinha ficado bem curiosa para ler a obra, pois sempre custavam que era uma comédia bem deliciosa. A sua resenha é a primeira que faz reais críticas a obra e agora conhecendo com a vida da personagem é completa mentira, acho que não simpatizaria com ela, pois tenho receio de personagens assim! Adorei sua resenha, está bem Clara! Parabéns!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem?
    Nossa um dia eu estava vagando pela Natflix e achei esse filme, gostei tanto que parei na metade e procurei o livro, depois que li eu voltei para concluir o filme ♥
    Amei a escrita da autora, e vou procurar outros títulos para ler.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  6. Hey!

    Já tinha visto algumas resenhas sobre esse livro, mas nenhuma delas os resenhistas colocam os pontos negativos. Gostei de saber sobre eles e mesmo existindo eu daria uma chance ao livro. Amo comedia romântica!
    A resenha esta espetacular. Muito bem construída.

    Beijos Bella Martins

    ResponderExcluir
  7. Olá, Bruna.
    Eu tenho um caso de ódio eterno com esse livro, não consegui apssar da página 100.
    Achei a personagem principal tosca e é absurda as coisas que ela faz. Não gostei principalmente da parte dela ser tão compulsiva, não me identifiquei com ela e nem mesmo consegui aceitar. Então acabei abandonando o livro!
    Esse foi um chick-lit que não funcionou para mim, infelizmente :(

    ResponderExcluir
  8. Não é de todo o meu género de livro, mas acho que a minha irmã vai gostar ☺

    ResponderExcluir
  9. Olá! Achei muuuito linda a sua resenha. Há algum tempo que ouço falar deste livro, mas fico com um pé atrás. srsr A capa não me convenceu nem a sinopse.
    Mas sua resenha está um arraso sincera, bem escrita. Gostei mesmo!Sucesso nos próximos volumes!

    ResponderExcluir
  10. Eu cheguei a ler um livro da série... O Chá de Bebê. Poderia te dizer várias coisas, mas daí ia tirar teu tesão na leitura, então... bico fechado! Tb não gostei muito da leitura, apesar da compulsão, ela n faz tratamento, nem nada, e ainda arranja um namorado/marido rico pra poder continuar gastando. Meio louco isso. Achei o filme meio sem graça. Tem chick-lit que não me agarra de jeito nenhum, esse foi um.

    ResponderExcluir
  11. Oi Bruna!
    Também não consegui gostar muito da Beck, a mentira e o excesso de confiança dela também me incomodaram muito. Tem momento em que ela é totalmente fora da casinha e acha que tudo se resolve magicamente. Os outros livros da Sophie Kinsella são bem melhores.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  12. Eu to louca pra ler esse livro porque além de ouvir falar muito bem dele eu amei o filme.
    Uma amiga minha leu e disse que achou bem diferente do filme, mas que é muito bom.
    Enfim.. Está na minha lista.
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Já tentei ler um livro da autora mas não funcionou comigo, eu amei o filme, gostaria de tentar a leitura por causa do filme que achei bacana. Vou adicionar sim a minha lista. Adorei sua resenha 😍

    ResponderExcluir
  14. Olá Bru!
    Já assisti o filme várias vezes e confesso que gosto muito dele, Ainda não me arrisquei na leitura. É uma pena que não tenha dado certo a leitura pra vc!

    Beijokas

    ResponderExcluir