sábado, 31 de dezembro de 2016

[Retrospectiva] Livros que eu gostaria de ter lido em 2016

Olá galera!

Hoje é o último dia do ano, nem estou acreditando que esse ano passou tão rápido, vocês concordam? Vi um vídeo da Rapha, Equalize da Leitura, falando de Livros que ela gostaria de ter lido.


Como 2016 foi um ano repleto de lançamentos e com leituras que eu gostaria de ter feito, decidi trazer para você, também, cinco livros que eu gostaria de ter lido nesse ano, mas que não consegui. Vamos conferir?

Uma Loucura Discreta, Mindy McGinnis
Boston, 1890. Asilo Psiquiátrico Wayburne. Grace Mae vive um pesadelo: forçada a passar seus dias reclusa num manicômio, em meio a insanos de todo tipo, sobressaltada por gritos de horror a cada noite.
Grace não é louca. Apenas não consegue esquecer os terríveis segredos de família. Terríveis o suficiente para calar sua voz – jamais ouvida por ninguém, a não ser ela mesma, dentro de sua mente brilhante.
Mas, quando uma crise emocional violenta traz sua voz à tona, Grace é confinada em um porão escuro. É nesse momento em que ela conhece o dr. Thornhollow, um estudioso de psicologia criminal. Dona de um olhar aguçado e de uma memória prodigiosa, Grace passa a auxiliar o médico em investigações.
Ambos escapam para uma instituição mais segura em Ohio, em busca de amizade e esperança. Mas a tranquilidade dura pouco: surge um assassino em série que ataca brutalmente jovens mulheres.
Grace seguirá no encalço do criminoso, mesmo tendo de enfrentar seus próprios fantasmas.
Em Uma Loucura Discreta, Mindy McGinnis explora com maestria narrativa a tênue linha entre sanidade e loucura, revelando o lado obscuro que existe em todos nós.


Novembro, 9, Collen Hoover
Autora número 1 da lista do New York Times retorna com uma história de amor inesquecível entre um aspirante a escritor e sua musa improvável.
Fallon conhece Ben, um aspirante a escritor, bem no dia da sua mudança de Los Angeles para Nova York. A química instantânea entre os dois faz com que passem o dia inteiro juntos – a vida atribulada de Fallon se torna uma grande inspiração para o romance que Ben pretende escrever. A mudança de Fallon é inevitável, mas eles prometem se encontrar todo ano, sempre no mesmo dia. Até que Fallon começa a suspeitar que o conto de fadas do qual faz parte pode ser uma fabricação de Ben em nome do enredo perfeito. Será que o relacionamento de Ben com Fallon, e o livro que nasce dele, pode ser considerado uma história de amor mesmo se terminar em corações partidos?


Quando o amor bater à sua porta, Samanta Holtz
Ele tem um passado do qual não se lembra. Ela precisa esquecer o seu.
Malu Rocha é uma escritora de 29 anos independente, confiante e bem-sucedida. Mora sozinha em São José dos Pinhais, perto de Curitiba, onde mantém uma rotina regrada de pedalar todas as manhãs, escrever e, semanalmente, visitar o avô de 98 anos em uma casa de repouso.
Porém sua vida toda controlada sai do eixo quando um homem bate à sua porta e se apresenta como Luiz Otávio Veronezzi, dizendo ter perdido uma reunião marcada com ela. Malu não se lembra do compromisso e sua primeira reação é dispensá-lo. Mas o belo desconhecido insiste, explicando que sofreu um acidente de carro, ficou em coma e perdeu a memória, assim como seus documentos. As únicas coisas que restaram foram um pouco de dinheiro e um papel com o nome e o endereço de Malu, o nome dele e a data da reunião. Luiz confessa que a escritora era sua última esperança para descobrir a própria identidade.
O problema é que ela não tem a menor ideia de quem ele seja.
Desconfiada, mas sentindo-se responsável pelo acontecido, Malu decide ajudá-lo e embarca em uma jornada para descobrir quem ele é – o que acaba trazendo à tona muitos fatos sobre si mesma, seus medos e segredos mais bem guardados, além de um passado que preferia esquecer.
A bela narrativa e a trama que prende do começo ao fim nos convidam a acompanhar Malu e Luiz nessa busca que se transforma em uma história de amor de tirar o fôlego.


O Garoto do Cachecol Vermelho, Ana Beatriz Brandão
Uma história comovente, recheada de drama, suspense e romance
Melissa é uma garota linda, rica e mimada, que sempre consegue o que quer e tem todos na palma da mão. Ela acredita que a carreira de bailarina é a única coisa que realmente importa, porém suas certezas são abaladas quando faz uma aposta com um garoto misterioso, que parece ter como objetivo virar sua vida de cabeça para baixo. De repente, Melissa se vê dividida entre dois caminhos: realizar seu maior sonho, pelo qual batalhou a vida inteira, ou viver um grande amor. Mas, não importa aonde ela vá, todas as direções apontam para o garoto do cachecol vermelho... Com esta história intensa e apaixonante, Ana Beatriz Brandão vai emocionar e surpreender o leitor, provando que é uma jovem autora que tem muito a dizer.



Pax, Sara PennypackerPeter e sua raposa são inseparáveis desde que ele a resgatou, órfã, ainda filhote. Um dia, o inimaginável acontece: o pai do menino vai servir na guerra, e o obriga a devolver Pax à natureza. Ao chegar à distante casa do avô, onde passará a morar, Peter reconhece que não está onde deveria: seu verdadeiro lugar é ao lado de Pax. Movido por amor, lealdade e culpa, ele parte em uma jornada solitária de quase quinhentos quilômetros para reencontrar sua raposa, apesar da guerra que se aproxima. Enquanto isso, mesmo sem desistir de esperar por seu menino, Pax embarca em suas próprias aventuras e descobertas.
Alternando perspectivas para mostrar os caminhos paralelos dos dois personagens centrais, Pax expõe o desenvolvimento do menino em sua tentativa de enfrentar a ferocidade herdada pelo pai, enquanto a raposa, domesticada, segue o caminho contrário, de explorar sua natureza selvagem. Um romance atemporal e para todas as idades, que aborda relações familiares, a relação do homem com o ambiente e os perigos que carregamos dentro de nós mesmos.
Pax emociona o leitor desde a primeira página. Um mundo repleto de sentimentos em que natureza e humanidade se encontram numa história que celebra a lealdade e o amor.


Me conte se já leram esses livros e quais as impressões de vocês. Não esqueçam de falar, também, se existiu algum livro que vocês gostariam de ter lido nesse ano.

Beijos, 

15 comentários:

  1. pax tem uma proposta linda, queria ter lido também :/
    mas esta na lista para 2017
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá!! :)

    Conhecia quase todos desse top de "infelizmente, ainda não lidos"! :) ahah Bem, mas feiquei curioso com alguns!!

    Especialmente O Garoto do Cachecol Vermelho... e Pax!! :) Espero lê-los em breve! :) Bom Ano Novo!! :)

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode,com

    ResponderExcluir
  3. Se eu fosse fazer algo do tipo a lista ia ser enorme. Teve vários livros que eu queria ler em 2016 e não consegui! :(
    Uma loucura discreta é um deles, mas vou fazer isso esse ano sem falta, rs.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  4. Oiee Bruna ^^
    Eu adorei "Novembro, 9", "Quando o amor bater à sua porta" e "O garoto do cachecol vermelho", foram três livros que me encantaram muito, e me apaixonei pelos personagens dos três...haha' estou querendo ler "Pax" também. Quem sabe a gente não consegue agora, né?
    MilkMilks ♥
    Milkshake de Palavras

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Também queria ter lido esses livros em 2016, principalmente pax, que tem uma premissa muito interessante e envolvente. Espero conseguir ler pelo menos um livro dessa lista em 2017.
    Ótimas leituras esse ano.
    Beijos,Lari.
    Segredosdeumacerejeira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Oi!
    Queria muito ter lido Uma Loucura Discreta em 2016, mas acabei esquecendo o nome do livro AHSUHSU Sério! Acabei de lembrar depois de ler seu post. Sou muito lerda.
    Anoitei também Novembro, 9 e Quando o Amor Bater à sua Porta.
    Pax é um livro que embora todo mundo fale ou já tenha lido, não sinto vontade nenhuma de ler. Acho que vou chorar ou ficar muito entendiada.
    Espero que você consiga ler esses livro em 2017.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Oi Bru, tudo bem?
    Foi tantos os livros que não consegui ler ano passado que se eu fosse fazer uma lista ficaria gigante. Não li nenhum dos livros que citou embora o garoto do cachecol vermelho e novembro 9 esteja na minha lista de leituras também.
    Quem sabe esse ano a gente consiga ler esses livros?!
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Basicamente você resumiu quais os livros que eu gostaria de ter lido. Principalmente o quando amor bater em sua porta e o November 9. Entre eles para mim está o diário de uma escrava que não está aqui no seu mas que eu gostaria de ter lido.

    PS: o pax tem uma capa linda e só por isso gostaria de ter lido ele.

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Olá, que lista apaixonante você trouxe aqui. Melhor ainda é November 9, que veio trazendo personagens marcantes em 2016 pela mão de Colleen, que sempre consegue entrar nesta lista dos melhores do ano. Fiquei interessado em ler Quando o Amor Bater Em sua Porta.

    ResponderExcluir
  10. Olá, tudo bem por aí?

    Nossa, é uma pena que você não tenha conseguido lê-los, mas espero que você consiga efetuar a leitura este ano. São realmente ótimas histórias, apesar de eu não gostar muito do gênero da maioria. Mas a premissa de "Pax" chamou bastante a minha atenção, parece ser uma história maravilhosa.

    Beijão!
    www.acampamentodaleitura.com

    ResponderExcluir
  11. Oii Bruna, tudo bom?? Adorei o post! Também adoraria ter lido muitos livros em 2016, mas com a grana curta acabei não conseguindo adquiri-los. O Garoto do Cachecol Vermelho e Novembro, 9 estão na minha lista também <3 Espero conseguir lê-los em 2017.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Olá
    Quando o amor bater a sua porta e O garoto do cachecol vermelho são leituras muito boas e interessante, quero muito ler PAX, deve ser uma linda leitura

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi Bruna,
    Se eu fosse fazer uma lista dessa, com certeza não saberia como escolher somente 5. Esse ano foi realmente muito bom em grandes lançamentos e também queria ter lido Novembro 9, O Garoto do Cachecol Vermelho e Quando o Amor Bater à Sua Porta, mas espero fazer agora em 2017.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
  14. Olá, quero muito ler Pax. sempre vejo ótimas críticas...Adorei sua lista!

    Abraços

    ResponderExcluir