terça-feira, 25 de outubro de 2016

O Mestre do Horror - Semana do Horror #1

Olá leitores, como vocês estão?

Daqui uma semana teremos o Halloween, que, apesar de no Brasil não ser muito divulgado, é uma época que gosto demais, principalmente, por conta dos livros de horror que leio. Pensando nisso, decidimos fazer uma Semana do Horror falando sobre o tema, como fizemos na Semana das Crianças.


A primeira postagem do tema, não poderia deixar de falar no mestre do horror, sim, é ele mesmo quem vocês estão pensando o Stephen King.

Fonte
Para quem não conhece, Stephen Edwin King nasceu em Portland, Maine, no ano de 1947. Foi o segundo filho de Donald e Nellie Ruth Pillsbury King. Após a separação de seus pais, Stephen e seu irmão, David, foram criados pela sua mãe. Stephen passou a infância em Fort Wayne, Indiana, onde moravam parentes de seu pai, e também em Stratford, Connecticut. Quando Stephen completou 11 anos, sua mãe voltou com ele e o irmão para Durham, no Maine, pois avôs viviam lá e precisavam da ajuda de sua mãe.

Stephen frequentou aulas em Durham e na Lisbon Falls High School, onde se graduou no ano de 1966. Então foi para Universidade de Maine, onde mantinha uma coluna semanal para o jornal escolar que tinha o nome de The Maine Campus. Stephen foi um estudante ativo, colaborando em questões políticas e servindo como membro do Student Senate. Ele se graduou em 1970 e obteve qualificação para lecionar.

O escritor casou-se com Tabitha Spruce no ano de 1971. Eles se conheceram na biblioteca da universidade quando ainda eram estudantes. Enquanto vendia pequenas histórias para algumas revistas, Stephen escreveu seu primeiro conto profissional “The Glass Floor” para a Startling Mystery Stories em 1967. Muitos destes contos foram compilados posteriormente na coletânea Night Shift (Sombras da Noite) ou apareceram em outras antologias.

No ano de 1973, a editora Doubleday & Co. aceitou a novela Carrie. A partir daí, Stephen consegue subsídio para deixar de lecionar e dedica-se à escrita em tempo integral. Neste mesmo ano, o escritor consegue sua segunda aceitação com a novela Salem’s Lot (A Hora do Vampiro). Neste período, a mãe do escritor morre de câncer aos 59 anos.

Um ano após a aceitação da editora, a novela Carrie é publicada, ao mesmo tempo em que Stephen se muda com a família para o Colorado. Viveram lá aproximadamente um ano, e nesse tempo Stephen escreve The Shining (O Iluminado), que foi levado aos cinemas pelo diretor Stanley Kubrick no ano de 1980. Retornam para Maine em 1975, onde o escritor finaliza The Stand (A Dança da Morte).

O escritor tem três filhos com sua esposa: Naomi Rachel, Joe Hill e Owen Phillip.

Em 2003, Stephen recebeu um título distinto da The National Book Foundation por contribuir com a literatura americana. (Fonte – InfoEscola)

O autor já escreveu mais de 60 livros e vários já foram adaptados para o cinema, como It, Carrie, a Estranha, O Iluminado e A Espera de um Milagre.

Gosto muito da escrita do autor, mesmo não tendo tido muitas experiências cm as obras dele. Li, até o momento, apenas 2 obras dele e estou lendo a terceira. Os dois livros já lidos Sob a Redoma e Joyland geraram boas experiências, o primeiro me assustando por mostrar como o homem age e tudo o que ele é capaz de fazer para atingir seus objetivos e o segundo com uma temática mais investigativa e que foi pouco assustadora, confesso que esperava um pouco mais.

O terceiro livro do autor – e minha leitura do momento – é Carrie, a Estranha. Já assisti ao filme e gostei muito da história, entretanto, o livro está sendo uma leitura um tanto quanto cansativa e não está me agradando, mas, ainda tenho fé, que a obra melhorará, principalmente agora que estou na parte do baile.

Tenho vontade de ler muitos outros livros do autor, por exemplo, It, Misery, Novembro de 63, O Iluminado, Celular e Mr. Mercedes.


Me contem, se assim como eu, consideram o Stephen King o Mestre do Horror, se já leram algum livro dele, se recomendam algum e quais outros autores vocês enquadrariam como mestre nesse tema.

Beijos tenebrosos,

22 comentários:

  1. Bruna,
    Amo King, apesar de ainda não ter lido muitas obras dele. Até hoje li somente Revival e It. Quando terminar a minha leitura atual, quero começar outra obra dele, estou na dúvida se inicio Novembro de 63 ou Jogo Perigoso.
    Quero muito ler Sob a Redoma pois estou assistindo a série na Netflix que foi baseada nessa obra e estou muito curiosa. Amei seu post sobre o mestre e é bem pertinente para a semana do Halloween.

    bjs

    Amor por Livros

    ResponderExcluir

  2. Oi Bruna.
    Assim como você, eu também li muito pouco, daquele que é considerado por muitos, como sendo o mestre do terror. Eu li dos livros do senhor King, O cão raivoso e Joyland, gostei mais do primeiro, o segundo meio que me decepcionou, sendo este muito pouco, ou quase nenhum terror de fato envolvido na trama, no entanto são livros muito bons. Eu particularmente não o considero como sendo o mestre do terror, até pelo fato de eu ter lido pouco dele. Eu costumo ler mais Edgard Allan Poe e H.P. Lovercraft. O que eu mais gosto é Lovercraft, este autor que poucos conhecem aqui no Brasil é o meu favorito nesse gênero. Se você não leu nada de Lovercraft, aconselho-te a ler um conto dele chamado de "O chamado de Chuchulu". Acredito que você irá gostar, se não curti, pelo menos na minha humilde opinião é que, é sempre válido conhecer a escrita de que não se conhece. Muito bom o seu post. Feliz Halloween à todos e boa leitura. Forte abraço!

    Marcasliterias.com.br

    ResponderExcluir
  3. Olá
    Adoro o genero terror, então sempre é bom poder conferir posts a respeito. Gosto muito do autor e já li alguns de seus títulos, apesar de querer ter lido muito mais. Dos meus desejados, estão It e O iluminado. Adoro Carrie, entre outras publicações dele.
    Beijos, Fer- www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  4. Oi, Bruna. Eu acompanhei algumas postagens da semana da criança e gostei bastante. Achei super legal a semana do horror, não sou fã do gênero mas algumas obras me despertam interesse. Do autor, eu só li O Iluminado, há mais de dez anos, e até hoje os detalhes da trama estão na minha mente. A leitura foi intensa e eu gostei muito, pretendo reler para resenhar no meu blog.

    ResponderExcluir
  5. Olá,
    Já assisti ao filme A espera de um milagre e Carrie, a estranha. Gostei muito de ambos, mas ainda não li nenhuma de suas obras (sou de outro mundo)!
    Não é meu gênero favorito para leitura e talvez por isso tenha negligenciado por tanto tempo. Porém, estou tentando sair da zona de conforto e já anotei algumas dicas de livros que foram bem elogiados.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá amore,
    Embora não curta muito terror, tenho acompanhado alguns posts e estou gostando do que tê vendo por ai... e seu post também gostei bastante.
    SK já peguei alguns livros pra ler... mais me falta coragem... não me chama muito a atenção não.
    Beijokas!!
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi Bruno
    Vergonha de admitir que nunca li nada de King. Sei que essa cara é simplesmente um gênio e certamente iria amar suas histórias, pois gosto do gênero.
    Infelizmente não surgiu uma oportunidade, mas espero ler em breve;
    Amei o post
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  8. Oi Bruna vou falar uma coisa e você pode me chamar de estranha. Todo mundo fala do King como um rei (eu não duvido), mas acredita que ele não me conquistou? É inegável o talento até porque ele tem mais de 60 livros, mas ele não me encantou pelo menos não com tudo isso. Sim eu não gosto de terror, mas nem como terror considero ele. Enfim... Não gosto dele. Mas amei saber um pouco nais sobre sua vida e obra. Beijos

    ResponderExcluir
  9. Até hoje ainda não tive a oportunidade de ler algo do rei do terror, tenho um livro dele aqui só que ainda não chegou o momento certo de lê-lo, mas uma coisa é certa, esse cara, é o caraa, sem dúvida alguma!!!


    Blog dos Jovens Leitores

    ResponderExcluir
  10. Oi Bruna, tudo bem? O primeiro livro de terror que li na vida foi o Iluminado do King e devo a ele minha paixão pelo gênero. Meu maior sonho é ter todos os livros do Mestre na estante. Adorei saber mais dele aqui.
    Bj

    ResponderExcluir
  11. Oi Brunna, não teria jeito melhor de representar o terror do que falar sobre Mr. King!!! Não li muitos livros dele, mas os poucos que li gostei. Com certeza um ótimo representante do gênero.
    Bjs

    ResponderExcluir
  12. Oi Bruna, eu nunca li um livro de terror por ser mesmo muito medrosa. Mas também já assisti Carrie, A Estranha e acredito que quando começar a ler esse gênero Stephen King será o primeiro autor escolhido. O que mais tenho curiosidade é Misery, pela sinopse parece eletrizante.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Não podemos deixar de falar do King quando falamos em terror, ele com certeza é o mestre do gênero. E mesmo assim nunca li nenhum livro dele, acredita? hahaha Mas vontade é que não falta!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  14. Oie!
    Não posso falar do King, pois nunca li nenhum livro dele. Já me indicaram vários, mas nunca me arrisquei, então não sei se vou gostar. mas vou anotar mais essa dica para conferir.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  15. Olá Bruna =)
    Já li muitos comentários bom dos livros desse autor. Mas não sabia muito sobre ele, foi bom conhece um pouco mais. Embora eu não curta nem um pouco terror ainda quero ler um livro dele, quem sabe também não acabo gostando. O blog está de parabéns. Beijos'

    ResponderExcluir
  16. Oie!!
    Terror sem a menor dúvida não é muito o meu estilo, sendo assim, não li nenhum livro do King até hoje e achei muito interesssante a sua coluna.
    Parabéns!

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  17. Oi, tudo bem?
    Eu acho super bacana essas semanas de horror, uma pena eu não ter conseguido me organizar para fazer uma também. Bom, eu só conhecia o autor pelo nome é por isso fiquei animada com seu post, agora sei um pouco sobre a vida dele é tenho muita curiosidade de ler os livros.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  18. Olá!
    Essa coroa do King ninguém tira tão cedo hahah o primeiro livro que li dele foi Carrie e li Misery recentemente, adorei todos. Meu irmão adora a série A Torre Negra dele, pretendo ler ano que vem. Beijos,

    Luana

    ResponderExcluir
  19. Olá Bruna,
    King é realmente o Rei do terror. Nunca li nada dele, não gosto de livros do gênero, mas gosto de filmes e séries.
    Gostei muito de Carrie, A Espera de um milagre é lindo, e fiquei muito chateada com o cancelamento de Sob a Redoma.

    Beijos,
    Anne
    Fadas Literárias

    ResponderExcluir
  20. Stephen King, o grande autor de terror de ontem, hoje e sempre. Como não se encantar com cada personagem que ele já criou não é? Foi um dos primeiros autores que li no gênero, e confesso que foi ele que me fez encantar pelo terror.

    ResponderExcluir
  21. Eu sou louca para ler algo do King, depois que assisti Carrie a estranha, fiquei muito ansiosa para conhecer a escrita dele. Ouço muitos comentários positivos a respeito dele e quero ter esse gostinho de falar bem (ou mal hahaha) também. òtima postagem! Adoro quando os blogs fazem semanas temáticas, é sempre divertido acompanhar.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Oi, Bru

    Eu não consigo ler livros para um determinado tema. Tipo, ler só terror/suspense/thriller para o Halloween ou só romance para o Dia dos Namorados. Hahahh
    Eu até hoje li apenas Desespero, mas faz muito tempo, eu era muito nova, sinto que não absorvi bem,tenho que reler.
    Que pena que a leitura de Carrie estava cansativa, espero que tenha melhorado.
    A Suma vai lançar Cujo e eu acho que vou solicitar, vai ser uma oportunidade de voltar a ler King.

    Beijos

    ResponderExcluir