sábado, 23 de julho de 2016

Se você gostou de... #6

Olá leitores, tudo bem?

Hoje temos o terceiro post para a coluna Se você gostou de... Pode gostar também de... A indicação de hoje é sobre dois livros que são narrados sob a perspectiva de uma criança e que são encantadores, vamos conferir?


Se você gostou de... 

Extraordinário, R. J. Palacio (Resenha) – O livro conta a história de Auggie, um menino que nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial. Em um manifesto em favor da gentileza, ele enfrenta uma missão nada fácil quando começa a frequentar a escola pela primeira vez: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros.


Pode gostar também de...

A Mais Pura Verdade, Dan Gemeinhart – Em todos os sentidos que interessam, Mark é uma criança normal. Ele tem um cachorro chamado Beau e uma grande amiga, Jessie. Ele gosta de fotografar e de escrever haicais em seu caderno. Seu sonho é um dia escalar uma montanha. Mas, em certo sentido, um sentido muito importante, Mark não tem nada a ver com as outras crianças.
Mark está doente. O tipo de doença que tem a ver com hospital. Tratamento. O tipo de doença da qual algumas pessoas nunca melhoram.
Então, Mark foge. Ele sai de casa com sua máquina fotográfica, seu caderno, seu cachorro e um plano. Um plano para alcançar o topo do Monte Rainier. Nem que seja a última coisa que ele faça.
A Mais Pura Verdade é uma história preciosa e surpreendente sobre grandes questões, pequenos momentos e uma jornada inacreditável.


Como disse acima, os dois são livros são narrados por crianças e os dois são encantadores. Além desses dois pontos em comum, o que vejo nessas obras é que os dois protagonistas, tanto Auggie, quanto Mark, estão em busca de mostrar aos outros que, apesar das diferenças, eles são iguais aos outros. Eles merecem o mesmo espaço e reconhecimento no mundo. Os dois partem nessa missão – diferentes, obviamente – que os farão se conhecerem melhor. É como se eles viajassem para dentro deles mesmos e conhecem um lado que, até então, desconheciam.

Além disso, os dois livros trazem uma lição sem tamanho para o leitor que ficará guardado em seu coração para sempre.

Me digam se vocês acham as premissas parecidas e se leriam um após ler o outro.

Beijos,

17 comentários:

  1. Olá Bruna
    Já li os dois e concordo plenamente. Quem gostou de um pode sim adorar o outro. Eu sou suspeita para falar, mas esses dois livros fazem parte da minha lista de queridinhos e sempre recomendo a leitura deles. E é como você falou, eles trazem lições maravilhosas. Estão guardados no meu coração mesmo ♥
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Bru!
    Eu sou completamente apaixonada por "Extraordinário" e para ser sincera, eu não o compararia tanto assim a "A Mais Pura Verdade".
    Sim, ambos possuem mensagens semelhantes, mas acho que "Extraordinário" tem uma pegada um pouco diferente, acho que pelo personagem principal.
    Digo isso porque li os dois livros e sim, foi bom ler "A Mais Pura Verdade", é aquele tipo de leitura rápida, que você quer ler, ler e ler até saber o que vai acontecer. Achei a relação entre Mark e o cão maravilhosa e até chorei num momento específico, mas sabe o que aconteceu também? Não consegui simpatizar com Mark, já com Auggie, a simpatia se deu imediatamente.
    Acho que já te disse isso, não sei se foi a circunstância a qual Mark estava envolvido, mas eu gostava da Hazel Grace! hahaha, então não sei mesmo. Talvez eu o tenha achado egoísta em alguns momentos e ele tinha certezas muito duvidosas.
    Mas enfim, certamente há pessoas que gostam das duas obras, como você e a moça acima, mas no meu caso há "poréns", como eu também já falei, rs.
    Um beijo!
    Historiar

    ResponderExcluir
  3. Extraordinário é um dos meus favoritos. Na verdade, eu comecei a ler A Mais Pura Verdade quando recebi os primeiros capítulos da editora e até hoje não finalizei :( Mas tenho interesse. Até onde eu li, estava ótimo!

    Beijos. (http://psamoleitura.blogspot.com.br)

    ResponderExcluir
  4. Já li ambos os livros e de modos diferentes foram enredos que bateram no meu coração. Ambos tem um lugar especial na minha estante.
    Bsj!

    ResponderExcluir
  5. Oi Bruna, depois que eu li Extraordinário eu desenvolvi um carinho todo especial pelo Auggie. Sou apaixonada por aquele garotinho e não vejo a hora do lançamento do filme. Sobre o outro livro ainda não li mas já estava na minha lista de leitura.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  6. Que ideia bacana de publicação! Gostei muito da comparação que você fez com as duas obras pois, por incrível que pareça, ainda não li nenhuma delas!
    Embora já tenha lido várias resenhas sobre os dois exemplares, ainda não tive a oportunidade de contemplar as emoções geradas por suas páginas. Mesmo assim, sei que se trata de obras especiais que possuem uma mensagem especial para nos passar.
    Obrigado pela dica, vou dar uma pesquisada pelo seu blog para ver se encontro mais publicações como essa!
    Grande abraço e sucesso.
    Filipe Penasso - Pena Pensante

    ResponderExcluir
  7. Olá, Bruna.
    Eu li "Extraordinário" e foi um livro que me encantou muito. Se "A mais pura verdade" também pode encantar da mesma forma, que pelo que pude perceber por suas palavras e pela sinopse, parece que sim, então darei uma chance.
    Abraços.

    Minhas Impressões

    ResponderExcluir
  8. Oi, Bruna. Eu gosto bastante dessa coluna aqui do seu blog e sempre encontro ótimas dicas. Eu ainda não li nenhum dos dois mas faz tempo que estou curiosa por ambos. Eu achei bem interessante o seu ponto de vista sobra as obras, sobre os personagens partirem nessa missão e pelo que tenho visto sobre esses livros, com certeza eles trazem belas mensagens e lindas histórias.

    ResponderExcluir
  9. Oi, Bru!
    Ainda não li nenhum dos dois, mas estou com Extraordinário aqui pra ler.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  10. Oiiii

    Não li nenhum dos dois livros mas morro de vontade de ler Extraordinario, até prometi pra mim mesmo que irei ler antes de lançar o filme. Mesmo com as diferenças as estórias parecem ser muito boas, mas ainda estou mais inclinada em ler Extraordinario.

    Bjos

    ResponderExcluir
  11. Oi!
    Extraordinário é muito <3
    Comprei ele ano passado na promoção da Avon e me vi presa a história, tão real e ao mesmo tempo tão fofa.
    Eu tenho os primeiros capítulos desse livro e espero ler em breve, ainda mais sabendo da sua indicação

    ResponderExcluir
  12. Oi, flor.

    Eu nunca li nenhum dos livros, mas achei bastante interessante a temática de ambos. Eu já li muitas resenhas positivas sobre Extraordinário e muitas pessoas dizem que o livro é um grande aprendizado e emocionante. Espero conferir ambas! Amei sua coluna ♥

    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Olá Bruna, acredita que nunca li nenhum dos dois livros? Eu já li muitas resenhas porém o enredo nunca me chamou a atenção apesar do hype todo em volta deles. Espero ainda ler os dois um dia haha
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Por coincidência eu já li os dois e me apaixonei, a narrativa feita é mais leve por ser feita por uma criança e ao mesmo tempo ambos conseguiram me conquistar e me emocionar, mostrando a inocência e os pensamentos desses dois personagens que estão confusos quando a vida e sofrem de doenças. Indico ambos, me emocionei e envolvi com os dois livros

    ResponderExcluir
  15. Oiee,
    Nunca li extraordinário, mas só ouço falarem bem da obra.
    Já li A mais pura verdade, gostei, mas pra mim não foi uma leitura extraordinária, achei o protagonista bem chatinho na maior parte do tempo e achei que ele usou a sua doença como justificativa pra ser super egoísta.
    Ele só têm o bônus de ser criança.

    ResponderExcluir
  16. Olá,
    Adorei a ideia do post! Vou fazer no May e os Vícios também. \o/
    Eu nunca i nenhum livro mais reflexivo narrado por uma criança, apenas os infanto-juvenis de aventura mesmo, tipo Rick Riordan...
    Mas quero muito ler Quarto ainda. \o/

    Super beijos,
    May - http://mayeosvicios.blogspot.com/

    ResponderExcluir