terça-feira, 19 de julho de 2016

[Resenha] O Menino da Lista de Schindler, Leon Leyson com Marilyn I. Harran e Elizabeth B. Leyson

Título: O Menino da Lista de Schindler
Autor: Leon Leyson com Marilyn I. Harran e Elizabeth B. Leyson
Editora: Rocco
Páginas: 256
Onde Comprar: Saraiva

Todos que me conhecem sabem o quanto gosto de ler livros sobre a Segunda Guerra Mundial. Esse tema me assusta – pois tenho medo que aconteça novamente – e me fascina – pois os sobreviventes passaram por coisas inimagináveis.

Foi exatamente fascinação que senti ao concluir a leitura desse livro. Fascinação por ter tido a oportunidade de conhecer a história de um homem que sobreviveu e uma parte da história de um homem que salvou milhares de vida.

O livro é um misto de biografia e romance de formação e nos apresenta à história de Leon Leyson. Leon era uma criança, apaixonada pela vida e sempre em busca de uma nova aventura. Ele vivia com seus irmãos e pais no interior, mas seu pai, graças ao oficio que havia conquistado, conseguira uma promoção para uma cidade grande e, após algum tempo, eles se mudaram para lá. A época era próspera e as coisas iam bem até começar a guerra.

“A vida parecia uma viagem sem fim e livre de preocupações.
Por isso, nem mesmo o mais assustador dos contos de fadas poderia ter me preparado para as monstruosidades com as quais me depararia poucos anos mais tarde, para todas as vezes em que eu escaparia à morte por um triz ou para o herói disfarçado de monstro que salvaria a minha vida. Meus primeiros anos não me prepararam para o que estaria por vir.”

A família de Leon era judia e eles foram atingidos por todas as coisas impostas por Hitler, mas, graças aos céus, o pai começou a prestar serviço para Oskar Schindler, um nazista que não tratava os judeus da mesma forma que os demais. Ele tinha cuidado com as pessoas que trabalhavam para ele e seus familiares.

Muitas coisas acontecem e o leitor vai ficando com o coração na mão, um dos motivos é que todos os acontecimentos foram reais e eles são dolorosos. Existem acontecimentos que você não torce nem para o seu pior inimigo passar.

“Não conseguíamos pensar dois minutos à frente quando toda a nossa energia estava concentrada em chegar ao dia seguinte. Vivíamos sempre o momento, determinados a chegar ilesos ao fim do dia. (...) Nosso objetivo era permanecer vivos tempo suficiente para que os alemães perdessem a guerra e fossem embora, derrotados.”

Leon foi um homem forte e destemido. Ele se arriscou diversas vezes para salvar quem amava e tentar se salvar. Oskar, como eu já conhecia, foi um homem que, apesar de ser conhecido como libertino, precisa ser conhecido por não ser isso. Ele foi mais. Muito mais. Seus atos foram heroicos e foram graças a ele que tivemos a oportunidade de conhecer o lado de muitos judeus que passaram por essa fase tão terrível da nossa história.

O Menino da Lista de Schindler foi um livro que fez com que eu devorasse a leitura e me destruísse por dentro, ao mesmo tempo que me acalentou. É uma leitura mais do que recomendada, afinal, é preciso conhecermos os acontecimentos do nosso passado e analisarmos tudo o que dele resultou.


Classificação:

 

31 comentários:

  1. Oi
    quase não leio resenha desse livro, parece ser uma história envolvente e eu também gosto de histórias que se passam na guerra, já que gosta de livro assim recomendo Queda de gigantes. Gostei da resenha.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Denise,
      Tenho esse livro em casa e bastante vontade de ler, mas dá uma preguiça do tamanho rs.
      Obrigada pelo comentário ♥

      Excluir
  2. Olá Bruna!
    Comprei em uma promoção na Submarino e recebi hoje. Não vejo a hora de ler. Também gosto de histórias que se passam na guerra e pela sua resenha vou adorar.
    Sobre o comentário acima, Queda de Gigantes é gigante rs mas tão bem escrito que você nem percebe o tamanho. Vale a pena.
    Bjs

    EntreLinhas Fantásticas - Participe do nosso SORTEIO do DIA DOS PAIS <3
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Oi Bruna, gosto de livros que tratem da Segunda Guerra também, eles são em geral intensos e sempre tem muito a acrescentar. Não conhecia esse livro e só pela sua resenha eu já me apaixonei pela história.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  4. Olá
    Eu também adoro ler livros sobre a segunda guerra mundial, e sempre tive curiosidade em fazer a leitura desse título. Seus comentários me deixaram muito mais motivada para conferir, e também concordo que é preciso conhecer mais sobre o nosso passado. Dica mais do que anotada, e espero poder ler em breve!

    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Bruna, já tinha visto algumas resenhas sobre esse livro mais nunca tinha me chamado mais atenção. Mais a sua resenha e me deixou muito feliz com esse livro ao ponto de me fazer sentir vontade de ler, posso ler ou não, ainda não consegui me decidir, espero ter um dia esse livro. Amei a resenha, to bem curiosa. Beijinhos http://followyourdreamalways.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi Bruna, sou daquelas que adora um livro com abordagem de guerra ou suas consequências e este livro aqui, eu ainda não conhecia,e já entrou para a lista de desejo. Achei bem interessante este emaranhado de biografias e tenho certeza que será um livro que me deixará satisfeita.
    Valeu pela dica
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oi, Bru!
    Eu também gosto muito de ler livros com o pano de fundo A Segunda Guerra porque também me assusta que algo do tipo possa voltar a acontecer.
    Eu não sabia que esse livro continha acontecimentos reais. Aumentou bem mais meu interesse em obtê-lo.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  8. Oi Bruna
    Adoro livros que tem a guerra como plano de fundo. Realmente são os melhores em provocar diversidade de sentimentos e reflexões. Precisamos realmente conhecer para entender. Tinha visto esse livro, mas essa é a primeira resenha que leio e já fiquei empolgada, principalmente depois de saber que possui acontecimentos reais.
    Gostei das suas impressões e quero ler sim!
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  9. Olá Bruna :)
    Como vai?
    Adorei a resenha, também sou muito interessado em histórias sobre guerras e conflitos. A Segunda Guerra Mundial foi algo muito intenso, violento e deixou marcas no mundo até os dias atuais, também tenho medo que aconteça algo do gênero de novo.
    Adorei sua resenha, por um minuto pude sentir sua angústia ao ler, estranho não ?
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Orfeu,
      Eu fiquei bem angustiada ao ler mesmo e gostei de saber que você percebeu isso. O que mais angustia é o fato de que aconteceu de verdade, sabe?
      Enfim, é muito difícil.
      Beijos

      Excluir
  10. Oii Bruna, tudo bom? Adorei sua dica! Gosto muito de livros que se passam em períodos de guerra, pois são sempre emocionantes. Esse parece ser super especial, principalmente por ser uma biografia e livro de formação. Fiquei encantada e já quero muito ler. Espero fazer isso logo. Sua resenha ficou ótima.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Oi Bruna, tudo bem?
    Eu nunca gostei de História na escola, mas a única coisa que sempre prendeu minha atenção foi e é a Segunda Guerra Mundial, por ser uma das coisas mais terríveis que já aconteceu. Pela sua resenha esse livro parece ser incrível e Oskar deve ter sido um grande homem, já que mudou a vida de tantas pessoas. Estou ansiosa para saber como Leon irá lidar com tudo que está acontecendo e espero ler esse livro em breve, me parece ser muito envolvente.

    Beijos! ♥

    ResponderExcluir
  12. Oi!
    Eu corro um pouco dos temas que envolvem a guerra, pois por mais que seja muito interessante ver como as pessoas conseguiram sobreviver e tals, me dói muito o coração ver o sofrimento de tantas, principalmente dos judeus.
    Pela sua resenha deu para perceber que para quem gosta do tema é uma leitura incrível.
    Espero um dia ter estômago e coração para fazê-la

    ResponderExcluir
  13. Oi, Bruna! Eu corro de livros com temáticas de Guerra, me dá aflição ver o tanto de desgraças e mortes ocorreram nesse período e como o homem pode ser tão cruel a ponto de fazer as coisas que fez nesse período. Mas realmente concordo que as histórias dos sobreviventes é algo interessante de se ver porque eles carregam um peso que nenhum outro que não passou por isso carrega. Então eu passo a leitura, porque não dou conta de ver tanto sofrimento ainda mais tendo realmente ocorrido, mas tenho certeza que para aqueles que gostam é uma excelente dica!
    Um beijo
    www.brookebells.com

    ResponderExcluir
  14. Oiee Bruna ^^
    Eu também sou fascinada por livros e filmes que se passam durante a Segunda Guerra Mundial, por mais tristes e assustadores que sejam. Acho que ainda não conhecia este livro, mas fiquei com vontade de lê-lo na mesma hora ao ver que você gostou tanto, e que a história te fascinou, apesar de mostrar acontecimentos terríveis e dolorosos. Acho que livros assim são um balde de água fria na nossa cabeça, que nos mantém na realidade, né?
    MilkMilks ♥
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Menina, nem me fale,sou a louca da segunda guerra, não posso ver qualquer livro sobre o tema que já fico louca para ler e nunca me canso de ler coisas sobre eles, também adoro filmes e documentários sobre a época.Sou tão louca que quero estudar História e fazer meu mestrado com algo relacionado com a segunda guerra, sim sou uma fanática.
    Então já estouu louca para ler esse livro.
    bjs

    ResponderExcluir
  16. Oi Bruna,

    Eu com certeza vou ficar fascinada com essa leitura. Tenho plena certeza, porque sempre me sensibilizo muito com os judeus e tudo o que passaram. Acho que vou amar bastante, não só por ter esse caráter também biografico, mas também porque é uma história bem envolvente e emocionante. Pretendo ler esse ano, anotei a dica. =)


    bjss

    ResponderExcluir
  17. Ai Bruna, somos duas então que amamos a questão de ler sobre segunda guerra Não creio que possa haver uma terceira no quesito de destruição, mas acontece todos os dias assim, infelizmente. Comprei este livro na Amazon e adorei sua resenha. Assisti ao filme e no final de A Lista de Shindler, mostra os sobreviventes nos anos 90. Vou ler e espero ficar feliz com o livro, apesar de tanta dor.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.blogandolivros.com

    ResponderExcluir
  18. Também adoro livros e filmes que tratam da Segunda Guerra Mundial e penso igual você - tenho muito medo que possa voltar a acontecer algo parecido, mas tenho muito fascínio por quem sobreviveu aquela época.
    Eu já peguei várias vezes esse livro na mão, porém nunca li. Até porque apesar de gostar do tema, não é sempre que estamos preparadas para ler algo tão pesado e triste como são. E imagino que esse também seja.
    Quando você citou o Oskar Schindler lembrei do filme "A Lista de Schindler", que eu amo e considero um dos melhores filmes que retratam essa época tão difícil. Além daquele final que é lindo e nos dá esperança.
    Tenho certeza que irei adorar esse livro quando ler.
    Adorei sua resenha.
    Bjss

    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oi, bruna, eu ainda não li O A lista de chindler e acho que seria melhor lê-lo antes de ler esse aqui, né. Mas adorei o que você nos apresentou e adorei saber que é um misto de biografia com romance. É ótimo quando um livro nos fascina tanto e nos deixa perplexos. Assim como você eu também gosto muito mesmo de livros que envolvem a segunda guerra, e sempre que recebo uma dica já coloco na lista de futuras leituras e esse já foi colocado nesse momento.

    ResponderExcluir
  20. Oi!
    A sua descrição da fascinação que você possui por livros sobre a Segunda Guerra Mundial é excelente e descreve perfeitamente o eu sinto também pelo tema. Ainda não tive a oportunidade de ler esse livro mas parece que emoção é o que não falta, por isso acho que vou me preparar um pouco antes de pensar em lê-lo,rs.
    Adorei sua resenha.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  21. Também adoro livros com o tema da Segunda Guerra Mundial, é a única época da história que consegue me prender. Entendo bem isso de você se sentir assustada e fascinada ao mesmo tempo, me sinto da mesma forma. Nem sabia que esse livro tinha um pouco de biografia, isso fez com que eu me interessasse ainda mais. Espero gostar tanto quanto você quando tiver a oportunidade de ler!

    beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  22. Oi Bruna, tudo bem?
    Sabe que sempre tive uma certa curiosidade com esse livro, ainda mais que eu adoro esses livros que se passam na época da ditadura e melhor ainda quando são baseados em fatos reais. Imagino que ele trás cenas fortes, acredito que seria uma boa ideia eu ler ele meio logo, espero gostar também.

    Beijos

    ResponderExcluir
  23. Oi Bruna!
    Também gosto de livros que trazem como tema as duas grandes guerras, mas sou muito cuidadosa na escolha dos títulos, alguns livros meu emocional não dá conta. Sua resenha nos mostra um livro, me desculpe o termo, mas mais do mesmo no que se refere a judeus, porém com um olhar sobre um homem que foi muito esperto e sutil na hora de ajudar alguns judeus a fugirem do extermínio. O tema envolvendo judeus e nazismo, não me atrai mais, não por ser um tema recorrente, mas com versões diferentes, mas por mostrar a crueldade do ser humano em relação a outro humano e de tratar o judeus como vitimas universais. Há outros povos que foram dizimado de forma tão cruel quanto os judeus. Que bom que vc gostou adorou o livro, sua resenha mostra isso e fico feliz em saber que vc aprecia esse tipo de enredo. Por mais que o livro não me atraia, não tiro p mérito do escritor, pois esses livros sempre trazem conhecimento!
    Bj

    ResponderExcluir
  24. Olá, tudo bom?
    Também gosto muito de livros que se passam na segunda guerra mundial. É exatamente o que você falou! Livros assim são necessários para que o passado não volte a se repetir. Quanto ao livro resenhado, eu já o vi várias vezes mas nunca soube que se tratava de uma história real! Acho que este vai ser um livro que vai me atingir em cheio, como foi com O diário de Anne Frank. Sugestão anotada ^^

    Beijos!
    Entre Livros e Personagens

    ResponderExcluir
  25. Oi!
    Eu tenho esse mesma sensação quanto aos livros que se passam durante a segunda guerra. Ainda não tive oportunidade de ler esse, mas sua resenha me deixou bem curiosa, ainda mais por se tratarem de acontecimentos reais. Gostei muito dos quotes :)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  26. Ola Bruna lindona amei essa capa menina, e a premissa do livro me parece ser tão intensa, triste e ao mesmo tempo um exemplo de pessoa. Não conhecia o livro mas sua resenha me fez um convite a leitura. Com certeza vou e ler e conhecer esses personagens marcantes. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  27. Lemos esse livro quase juntas né Brun, então você já sabe minhas impressões a respeito dele. Eu acho que foi incrível descobrir mais do O.S. por uma pessoa que foi "salva por ele", principalmente quando criança. O que eu mais gosto nesse livro é que eu consigo ver uma criança narrando ao invés do autor na idade que ele tinha quando o escreveu, isso foi lindo.
    Sua resenha está muito fofa, eu amei.

    Bjs

    ResponderExcluir
  28. Olá!
    Eu não sou muito de ler livros sobre a Segunda Guerra, por motivos de ser tão triste e não querer sofrer e sentir aquilo que nos é contado, mas ao mesmo tempo eu fico mega curiosa, e gostei da sua resenha, vou pensar se compro e me desafio a ler rs' deve ser uma história intensa e construtiva. Assim que eu ler, te conto o que achei.

    Beijos!
    http://lovesbooksandcupcakes.blogspot.com.br//

    ResponderExcluir
  29. Imagino que seja bem triste, mas tenho vontade de ler! Acredito que quando conhecemos outras histórias de vida, mesmo que dentro da ficção, nos tornamos mais empáticos. Mais pessoas deveriam ler livros assim.
    Abraços
    Blog do Ben Oliveira

    ResponderExcluir