sábado, 25 de junho de 2016

Romances Inesquecíveis #04

Olá leitores,

Hoje daremos continuidade na coluna: Romances Inesquecíveis, vamos conferir as indicações do mês?


Proibido, Tabitha Suzuma (Resenha) - Sinopse: Ela é doce, sensível e extremamente sofrida: tem dezesseis anos, mas a maturidade de uma mulher marcada pelas provações e privações da pobreza, o pulso forte e a têmpera de quem cria os irmãos menores como filhos há anos, e só uma pessoa conhece a mágoa e a abnegação que se escondem por trás de seus tristes olhos azuis.
Ele é brilhante, generoso e altamente responsável: tem dezessete anos, mas a fibra e o senso de dever de um pai de família, lutando contra tudo e contra todos para mantê-la unida, e só uma pessoa conhece a grandeza e a força de caráter que se escondem por trás daqueles intensos olhos verdes.
Eles são irmão e irmã.
Com extrema sutileza psicológica e sensibilidade poética, cenas de inesquecível beleza visual e diálogos de porte dramatúrgico, Suzuma tece uma tapeçaria visceralmente humana, fazendo pouco a pouco aflorar dos fios simples do quotidiano um assombroso mito eterno em toda a sua riqueza, mistério e profundidade.


Um fato sobre esse livro: Ele te destruíra. Outro fato sobre essa história: Ela te fara crer, piamente, em algo que você sabe que é errado, mas não é nesse contexto.

Esse é um dos romances mais inesquecíveis que já li na vida. A sua história ficou tatuada em minha mente e nada do que eu faça ou que leia me faz esquecê-lo. O motivo? O que citei acima. Eu fiquei destruída, precisei ficar muito tempo juntando os pedaços do meu coração e, também, acreditei em algo que acho extremamente errado – e é – mas, quando se está dentro do acontecimento, você vê que é a coisa mais certa a fazer.

Belleville, Felipe Colbert (Resenha) - Sinopse: Se pudesse, Lucius aterrissaria em 1964 para ajudar Anabelle a realizar o grande sonho do seu falecido pai! De quebra, ajudaria a moça a enfrentar alguns problemas muito difíceis, entre eles resistir à violência do seu tio Lino. Claro que conhecer de perto os lindos olhos verdes que ele viu no retrato não seria nenhum sacrifício...
Sem conseguir explicar o que está acontecendo, Lucius inicia uma intensa troca de correspondência com a antiga moradora da casa para onde se mudou. Uma relação que começa com desconfiança, passa pelo carinho e evolui para uma irresistível paixão – e para um pedido de socorro...


Ao contrário do livro citado anteriormente, este não te destruíra, mas deixará uma marca muito bonita em seu coração, te fazendo crer que é possível amar e querer proteger alguém que está anos distante de você. É possível ter esperanças de encontrar esse amor e a realidade não afasta sua vontade de levar esse amor adiante, amor esse que te tornará melhor, que farás as pessoas serem melhores com você, por lhe entender.

Esses são mais dois romances que guardarei para sempre em minha vida, ou seja, são inesquecíveis. Vocês possuem algum romance assim? Se possuir, deixe nos comentários ou nos mande por e-mail (umoceanodehistórias@gmail.com) com o motivo, que teremos o maior prazer em apresentar a todos os leitores.

Beijos,

20 comentários:

  1. Quero muito ler Belleville há muito tempo ahahhaha. A sinopse me atrai tanto e essa capa é MARA :)


    beeijão ^^
    http://carolhermanas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. leio comentários positivos sobre Belleville, mas o livro esta encostado na minha estante faz tempo :/
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Bru,
    eu já ouvi falar sobre o livro Proibido e acho que só não li até hoje porque acho que quando eu ler vai causar um reboliço na minha mente. Sobre o segundo livro me chamou atenção. Gostei muito do post.
    Beijos

    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  4. Oiiiii, tudo bem??
    Olha, o primeiro livro eu não conheço, mas se não me engano já ouvi falar dele sim. Mas concordo com você em gênero, númeroo e grau em relação à Proibido .
    Essa história é destruidora e arrebatadora que se torna impossível de ser esquecida. Podem se passar décadas e mais décadas e não me esquecerei de Maya e Lochie e, claro, daquele final destruidor.

    Adorei esse tipo de matéria, espero ter a oportunidade de ler mais artigos assim.

    Abraço
    Ingrid Cristina
    Plataforma 9¾

    ResponderExcluir
  5. Esses livros são mesmo inesquecíveis, cada um a seu estilo. Já li os dois e sou apaixonada por todos os detalhes, especialmente porque são tão profundos. Entretanto, se fosse pra escolher um só escolheria Profundo, porque é simplesmente sensacional mesmo.
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  6. Oi Bruna, eu acompanho o seu blog e sempre gosto muito das suas postagens mas, dessa vez, não gostei de ver o livro Proibido como indicação nos romances inesquecíveis. Para falar a verdade, nunca li esse livro e nem faço questão, tenho uma grande repulsa por ele. Em contrapartida, estou louca para ler o livro do Felipe, esse sim, parece ser um romance maravilhoso.

    ResponderExcluir
  7. Eu tenho muito medo de ler Proibido, esse livro é fantastico mas ele devasta o nosso coração, ne?Pelo que pude acompanhar da resenha, ele nao é pra qualquer um, e meu coração fraco que chora com qualquer romance não vai superar. Acabei entrando pra ler outras resenhas e adorei seu cantinho, é fofo demais, a sua cara!

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    Quero muito ler Proibido, é uma história bem delicada e acho que irei me emocionar!
    Já Belleville quero ler pois uma amiga que confio muito me indicou!
    Bjs

    ResponderExcluir
  9. Oi Bruna, eu já li o primeiro livro e te entendo perfeitamente. Essa semana até estou pensando em ler novamente para fazer a resenha que ainda não fiz. E sobre o segundo livro, eu já li uma resenha sobre e quando vi tua opinião sobre ele, me lembrei dele. Engraçado que o livro não parece ser isso tudo, isso é bom pois ele surpreende. É uma coisa positiva. Enfim, espero um dia ter a oportunidade de ler ele também.

    Beijos
    Vento Literário / No Facebook / No Twitter

    ResponderExcluir
  10. Olá
    Que bom que a colina voltou mais uma vez, e super bafônica por trazer Proibido, eu ainda não li esse livro mas sei muito bem do que se trata a história. Eu espero poder ler o mais breve que eu poder, já o outro livro já vi algumas resenhas mas nada que me deixa-se com muita vontade de ler. Adorei suas resultasse sobre ambos os livro. Até mais vê!
    Bjjs

    ResponderExcluir
  11. Oi, como vai? Eu quero muito ler Proibido já que sempre indicam ele, apesar de falar sobre um assunto que eu realmente não goste e ou veemente contra, mas para sair da mesmice e começar a entender melhor o assunto, estou louca para começar a leitura.
    Abraços!
    Leitora Encantada

    ResponderExcluir
  12. Oi Bru!
    Ainda não li nenhum dos dois romances que você citou, mas tenho vontade de conhecer esse segundo. Uma amiga leu e amou também. Ela disse que é muito marcante. Ainda lerei ele. Proibido por outro lado, não sei se leria. O tema é diferente, mas toca em um ponto que não sei se conseguiria encarar com uma mente mais aberta sabe. Essa tematica de incesto acho complicada, então, não leria no momento.

    Abraços
    David
    http://territoriogeeknerd.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá, dos dois livros citados, o segundo é um que até então não chamava muito a minha atenção, mas depois de ler o seu post acho que preciso lê-lo. E sobre Proibido, é um livro com uma temática polêmica que desperta minha curiosidade e que quero lê-lo desde o lançamento.

    ResponderExcluir
  14. Oiee Bruna ^^
    Aah, "Proibido" não poderia faltar na lista ♥ é um dos romances mais lindos, trágicos e destruidores de corações que eu já li, e até agora eu ainda me sinto triste por conta de certas coooisas... "Belleville" eu ainda não tive a oportunidade de ler, mas tenho muita curiosidade, principalmente por só ter visto coisas boas a respeito dele.
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Oiee, adorei as indicações! Não li nenhum desses dois, porém tenho bastante curiosidade, e em especial por BelleviLle. Proibido tem mesmo cara de ser destruidor, por abordar um assunto tão polêmico e, pelas resenhas que li, possuir uma carga dramática super forte.
    Beijo!!!

    ResponderExcluir
  16. Oi, tudo bom?

    Adorei as indicações, e com certeza vou pegar a dica para ler em breve, Belevile. E sobre um romance especial? Talvez não tanto, mas eu adorei "Simplesmente Acontece" e "Anna e o Beijo Frances".

    Abraços,
    http://perdidoemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Oi, Bruna!
    Tenho Belleville na estante, mas ainda não tive tempo de ler, minha pilha de leituras só cresce, mas tenho muita vontade conhecer a história por ser tão elogiada.
    Proibido é um livro que não me deixa curiosa, acho que é uma leitura que não me conquistaria tanto. :)

    Beijos,

    Rafa [ blog - Fascinada por Histórias]

    ResponderExcluir
  18. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  19. Olá Bruna!
    Ainda não li nenhum desses livros, mas depois que peguei um spoiler de Proibido, não tive coragem de ler e apesar de ter sido uma leitura inesquecível para você, não sei se conseguiria ler. Quanto a Belleville, já li comentários maravilhosos a respeito e saber que ele vai deixar uma marca bonita em meu coração só me deixa ainda mais curiosa para a leitura.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  20. Oi Bru,
    Eu morro de vontade de ler Proibido, todo mundo fala o quanto eu vou me emocionar e sofrer com o livro mas com esse livro eu quero sofrer. É algo muito inovador e tenso... Não sei como lidar e tenho muita curiosidade sobre como é o desenrolar do livro. Ainda não conhecia Belleville mas pela sinopse também parece ser um livro "daqueles", já anotei o título para não esquecer.
    Obrigada pelas dicas, beijos!

    ResponderExcluir