terça-feira, 14 de junho de 2016

[Resenha] Sonhos Partidos, M. O. Walsh

Título: Sonhos Partidos
Autor: M. O. Walsh
Editora: Intrínseca
Páginas: 256
Onde Comprar: Saraiva

Aos 15 anos, Lindy foi estuprada. Era verão de 1989 e os suspeitos eram vários. Ninguém vira nem ouvira nada, e combinando isso ao relativo desinteresse da polícia e da vizinhança, a garota se tornou uma adolescente problemática e esquecida, sem esperanças de ver aquele rosto atroz atrás das grades. Ninguém parecia se importar com ela, exceto o narrador da história: um garoto obcecado; um dos suspeitos.
Tudo, então, é contado ao leitor através da perspectiva de um adulto que, já com outros olhos, começa a entender os desdobramentos da infância. Praticamente todos os fatos, desde os mais simples, são contrapostos: de um lado a inocência, de outro a compreensão madura.

M. O. Walsh viaja pelas memórias do adolescente que foi e consegue mostrar que nem sempre podemos escolher aquilo que nos define. Às vezes, algo que pode parecer insignificante, aos olhos de uma criança, pode marcar a idade adulta de uma maneira irreversível.
Sonhos Partidos é uma narrativa abertamente honesta e sutil, que aborda o significado da família, das amizades e dos contextos capazes de nos moldar ao longo dos anos.
"Todo momento é crucial. E se reconhecermos e abraçarmos isso, um dia seremos capazes de olhar para trás, compreender, sentir, lamentar, recordar e, se tivermos sorte, amar."
Com toda sinceridade, este não é muito bem um livro para distrair. Não é leve, mas ao mesmo tempo não é denso. Experimentei uma mescla de sentimentos, desde a incompreensão e a revolta até a compaixão. Também vale a pena ressaltar que alguns trechos não são nada fluidos. O famoso "encher linguiça" está presente em toda parte, o que me fez ter vontade, várias vezes, de pular as páginas, avançando direto ao que interessa.

Eu diria que Sonhos Partidos tem lá suas vantagens e desvantagens. Se você tiver paciência e adorar um belo romance reflexivo, eu indico. Entretanto, se você gosta de ler para encontrar uma distração, esqueça.


Classificação:

20 comentários:

  1. Que tenso! Fiquei curiosa para ler a narrativa por causa de sua resenha apesar da história não ter me chamado tanta atenção! Parabéns ♥
    Beijo grande,
    Café, Vodka e Literatura

    ResponderExcluir
  2. Oi Bruna, deve ser uma leitura bem complicada, pelo que pude perceber, e com certeza não é mesmo nem um pouco leve. Eu não conhecia o título, mas fiquei curiosa a respeito do desenvolvimento.
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
  3. Oi Bruna, ainda não conhecia o livro e confesso que sua resenha me desanimou um pouco. Não é leve e não é denso é um bom motivo para u não me interessar. Sobretudo, ter partes truncadas, onde a leitura não flui, me deixou sem vontade de conhecer a história.
    Valeu pela sinceridade.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Oi, bruna, já li esse livro e também tive essa mescla de sentimentos, não amei mas também não odiei, só achei muito disso que você mencionou sobre o encher linguiça e também esperava algo muito diferente, mas vale a pena a leitura.

    ResponderExcluir
  5. Oi Bruna, tudo bem?
    Eu não conhecia esse livro antes da sua resenha e confesso que pela capa ele até chamaria minha atenção, mas após ler a sua resenha fiquei com um pé atrás devido ao que você mencionou que algumas partes são "encheção de linguiça". Imagino que pela temática realmente não seja uma leitura leve ou para se distrair. Então, acredito que a leitura seja válida em um momento adequado, quem sabe um dia? Gostei da sua resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Acredito mesmo que deve ser uma leitura complicada porque o tema é bastante tenso e profundo, imagino o que deve se passar na cabeça dessa menina que sofreu tanto com isso. Uma pena que tenha partes que enrolem no livro, isso deixa você com pouca vontade de terminar e seria melhor talvez o autor pular para os "finalmente".
    Não sei se leria esse livro, no momento, talvez não.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Bruna, tudo bem?

    Sabe que eu até gosto de livros assim? Que deixam um misto de sentimentos e sensações conforme vamos lendo. Achei a capa muito bonita e delicada e nunca desconfiaria que o livro é denso e intenso. Espero muito conferir a obra, porque fiquei BEM curiosa. Quero conhecer a narrativa e a construção do enredo. :D

    beijo!

    ResponderExcluir
  8. Oi!
    Eu estava achando a temática do livro MUITO interessante, mas fiquei completamente decepcionada ao saber que o livro é muita encheção de linguiça :(
    Mas mesmo assim acho que é uma dica válida, não para distrair, como citou, mas porque o tema ´t muito importante mesmo

    ResponderExcluir
  9. Oiee Bruna ^^
    Que capa mais linda ♥ Acho que eu ainda não conhecia este livro, mas ele parece ser uma montanha russa de emoções. É uma pena que tenha encheção de linguiça no meio, odeio quando os autores fazem isso --' Eu não tenho muita paciência, mas vou dar uma chance ao livro, pois parece ser bom :)
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oi Gabi,
    Eu ainda não havia visto esse livro e achei a premissa super interessante, gosto muito de livros que abordam esse assunto e levantam nos leitores esses questionamentos, esses sentimentos, acho que devemos problematizar mais sobre isso, pois sem dúvida essa cultura do estupro é algo muito enraizado em todas as sociedades. jÁ QUERO LER
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Olá, tudo bom?
    Ainda que não seja um livro para se distrair e que tenha um pouco de "encheção de linguiça" fiquei interessada pela leitura. A temática é bem interessante e a forma como as pessoas não se importaram belo abuso dessa menina e ver a história narrada através dos olhos de um dos suspeitos me deixou muito curiosa. Gosto de leituras com uma carga emocional maior, então anotei a sugestão.

    Beijos!
    @PollyanaCampos
    Entre Livros e Personagens

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    A premissa por si só já é um pouco tensa e chocante, daquelas que deixa o leitor intrigado. Parece um daqueles livros que devemos nos preparar psicologicamente antes da leitura e adoro livros assim, apesar de não os ler com frequência. é uma pena que parte seja "encheção de linguiça", isso desanima bastante a minha possível leitura.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Nossa esse livro aborda um tema bem forte que é o estrupo e o que passar por isso pode fazer na cabeça de uma menina. Mesmo você dizendo que teve momentos de encher linguiça e vontade de pular acho que a leitura vale para refletir sobre o assunto.
    Bj

    ResponderExcluir
  14. Olá, eu não conhecia o livro e sabe que me interessei muito por ele, apesar dele encher muito linguiça eu gostei da premissa, e acredito que darei uma chance a ele. Eu gosto desses livros mais fortes que nos fazem refletir e pensar sobre os atos humanos, ainda mais esse assunto que é tão sério. Espero ler ele em breve.

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  15. EU não conhecia o livro, mas amei a capa e o titulo, se fosse outro acho que sua resenha teria me desanimado, mas gostei da premissa, e gosto de livros reflexivos, vou adicionar as futuras leituras, eu achei o tema interessante, acho que vou gostar!

    ResponderExcluir
  16. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  17. Olá


    Não conhecia esse livro ainda mas não sei se me chama atenção. Acho que essas partes de encher linguiça meio que me desanima pois odeio leitura arrastada. Acho que se tiver oportunidade podeira ler sim, mas to numa fase que prefiro algo mais leve.

    Everton equipe Rillismo
    http://rillismo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Olá!

    Ainda não tinha lido nada sobre este livro. Me parece conter uma trama muito densa e perturbadora, por se tratar de uma garota que foi estuprada e ainda mais pelo livro ser narrado por um dos suspeitos. Mas será que foi ele? No momento não sei se leria este livro, pois estou procurando leitura leves e deliciosas de se ler. Mas no futuro com certeza quero ler este livro, pois se trata de um assunto importante. Gostei bastante da sua resenha.


    Beijinhos!
    Cantinho Cult

    ResponderExcluir
  19. Achei a capa tão bonitinha que achava que o livro era sobre outra coisa.
    Fiquei super curiosa com a história, e embora não seja aquelas leituras para distrair eu estava bem afim de dar uma chance ao livro. Mas, ler que ele tem muito do fator 'encher linguiça' me desanimou completamente. Não sei porque muitas vezes os autores insistem em deixar as histórias maiores do que elas precisam ser e acabam se perdendo com isso... Enfim, a curiosidade está aí mas realmente não sei se ele vai entrar na lista de leituras...
    Beijinhos,
    Lica

    ResponderExcluir
  20. Oi!
    Eu gostei bastante da proposta desse livro, é uma pena mesmo que a narrativa seja um tanto enrolada, o que geralmente me irrita... Mesmo assim vou querer ler :)
    Beijos!

    ResponderExcluir