segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Sobre os clássicos da literatura brasileira

Olá pessoal! Mais uma vez, obrigada pelos comentários calorosos do último post, fiquei muito feliz em saber suas opiniões  e adorei saber que vocês gostaram do texto. Hoje, vamos falar sobre o hábito que as pessoas tem de rotular os clássicos da literatura brasileira.


Particularmente, não acredito quando ouço algum leitor dizer que não gosta dos clássicos da literatura brasileira. O motivo de eu não acreditar é que, sempre que falam dos clássicos, as pessoas tendem a representá-lo como um bicho papão, algo que amedronta. E isso é completa, louca e incrivelmente injusto.

Eu sei que existem aqueles livros difíceis de serem lidos, pois possuem uma linguagem penosa e giram em torno da maçaneta branca e poética da porta da casa azul marinho com tijolos na chaminé por muitas e muitas páginas. Mas, calma aí! Nem todos os livros são assim. E julgar os livros clássicos como “chatos” só por conta das descrições longas e a linguagem complicada é uma grande injustiça mesmo! Certamente, você que classifica esses livros assim, fez uma ou duas tentativas de lê-los ou leu somente as leituras obrigatórias. 

Normalmente, as pessoas sentem-se pressionadas com coisas obrigatórias. Elas pensam, “Que saco! Tenho que ler aquele livro idiota para aquela aula idiota”. Diga-me: É possível iniciar uma leitura e fazer dela algo agradável com tanta fumaça saindo do nariz? Quase sempre não. 

Você deve estar pensando: “Mas tem alguns livros que realmente não são fáceis, são chatos mesmo, e eu gosto de literatura brasileira!” Eu concordo com você. Estou defendendo os clássicos, mas tenho consciência de que sempre haverá algum livro não tão agradável, arrastado, complicado, insuportável mesmo. 

O que eu quero apontar aqui, é que não é justo julgar TODOS os livros clássicos brasileiros, porque UM deles não agradou você. Ou você acha que eles são tão considerados assim por puro senso comum? É obvio que não. Eles entraram para a História (com H maiúsculo), não estão vivos até hoje por acaso. Eles são especiais. 

Com base em tudo isso, eu vou concluir este texto com algumas indicações de livros que eu adoro e que acho que, se você ainda não leu, está perdendo uma grande aventura, grandes descobertas e também, muito conhecimento. Portanto, se tiver oportunidade, leia, eu garanto que vale a pena.


  1. A Pata da Gazela – José de Alencar
  2. Dom Casmurro – Machado de Assis
  3. Memórias de um Sargento de Milícias – Manuel Antônio de Almeida
  4. Lucíola – José de Alencar
  5. Helena – Machado de Assis

76 comentários:

  1. Olá, tudo bom?!
    Eu sou um desses que não tenho o costume de ler clássicos nacionais, embora já tenha lido sim alguns e gostado. Uns por vontade própria e outros forçadamente para o vestibular.
    Sou estudante de letras vernáculas e sou apontado por ler muitos livros internacionais. Porém, realmente são poucos os livros nacionais que eu li e gostei, flo isso sem querer desmerecer a literatura nacional porque como você disse "não estão até hoje por acaso". Acho que é questão de estilo de leitura mesmo e é injusto mesmo julgar por causa de apenas uma obra lida.
    rs.
    Gosto muito de "A Moreninha" - li repetidas vezes. Gosto de Dom Casmurro também, Senhora, Primo Basílio, Grandes sertões.

    Ótimo texto, estou segundo o blog. É lindo!
    Bjux.
    Diego, Blog Vida e Letras
    www.blogvidaeletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Diego,
      Ainda pretendo ler "A Moreninha". "Senhora" é sensacional!
      Obrigada, beijos.

      Excluir
  2. Salve.
    Uma boa apologia a literatura brasileira, mas acrescentaria algo a mais na ótima análise que, certamente você pensou, mas com o espaço reduzido dos blogs fica difícil de desenvolver todo o texto sem ter que fazer os cortes: literatura brasileira não está entre os mais vendidos; os clássicos da nossa literatura não são livros comerciais e, por conta disso, a procura é pouco e a ignorância e repudio por esse tipo de literatura tende a crescer se a bruma não se dissipar.
    DeCastro

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Oi.
    Gostei muito do seu texto.
    Eu devendo os clássicos, porque quando você já é mais crescido e pode entender eles, são histórias dignas, lindas.
    Mas acho que colocar eles como leitura obrigatória para adolescentes de 15-17 anos, não é legal. A primeira vez que li Dom Casmurro, eu tinha 15 anos, achei o livro um lixo, sem falar que não tinha entendido nada. Depois li ele com 22 anos e foi outra leitura, outra coisa, amei o livro.
    Aqui na minha cidade a um anos atrás, fiz uma pesquisa em escolas particulares e públicas, notei que 70% dos alunos abandonam livros porque a escola obriga eles a lerem clássicos. Convenhamos, não é uma linguagem fácil a maioria deles.

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Helana, muito obrigada!
      Muito interessante a sua colocação e obrigada por compartilhar sua pesquisa.
      Beijos

      Excluir
  5. Olha tenho que confessar que tenho bastante trauma de livros clássicos, porque como eu era obrigada a ler para fazer provas na escola, eu acabei que deixando literatura nacional de lado e depois que fiz o meu blog eu acabei mudando de ideia, porque eu vi que não era só esses livros que continha, mas sim outros muito além e com estórias maravilhosas que tenho lido até hoje. Enfim...Eu estou bastante feliz, hoje eu não sei se ainda pegaria algum clássico, mas se for, eu vou pegar aquele PRIMO BASILIO porque vi o filme brasileiro e gostei. Até mesmo a Escrava Isaura, mas ainda nào sei. Pensando ainda ...hehehehe

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/10/resenha-nas-proximidades-do-amor.html

    ResponderExcluir
  6. Como eu disse no outro post, eu faço parte dos traumatizados pela escola. Mas mesmo assim peguei uns clássicos para ler por conta própia. Eu os considero como os outros livros, uns bons outros não, o que acaba me afastando um pouco é o arrasto da históra José de Alencar mesmo constroi cenários lindos, mas fico um tempão lendo e quando vejo não li nem 50 páginas.

    www.poyozodance.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lindo isso, Daniele! Parabéns!
      Acho que a procura deve partir do nosso interior, não por obrigação. "Lucíola" é um livro curto, que não possui esse "arrasto" que você mencionou. Pesquise.

      Excluir
  7. Concordo totalmente. Pessoal costuma julgar os livros pelo que foram obrigados a ler, mas também as escolas poderiam perder essa obrigação de impor os clássicos como se fossem bichos.
    Eu adoro os livros do Machado, Helena e Dom Casmurro já li e sempre fico na dúvida de Capitu e Bentinho.
    Os outros mencionados nunca li, mas quem sabe, né?
    Outro clássico que gostei foi O cortiço.

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/10/resenha-bruxa-da-noite-vl1.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como se fossem bichos? Desculpe, mas sua colocação foi infeliz.
      Preciso reler "O Cortiço", li a um bom tempo e não lembro muita coisa.

      Excluir
  8. Super verdade o que você disse.
    Muitas gente não lê, pois acha que os livros dados na escola, são chatos, ou sem lógicas.
    Eu já li vários, e gostei.

    Muito bom o post. Beijos! ♥

    http://apaixonadaporleiturass.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom saber disso, Ariane!
      Continue lendo e obrigada! ♥♥♥

      Excluir
  9. Olá!
    Confesso que não sou a maior fã dia clássicos, porém, tenho minha exceção: é o Inocência, de visconde de Taunay. Romance romântico pouco falado, mas que tem uma história maravilhosa!

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kamila, eu tenho "Inocência" e inclusive já o li, preciso reler.
      Beijos

      Excluir
  10. Oi ...
    Adorei o post novamente rsrs
    Super concordo com você ! Já vi muita gente torcendo o nariz quando começo a falar sobre algum clássico :(
    "Senhora " e "Dom Casmurro" são livros super importantes para a minha vida literária e também não se pode negar que esses livros atuais que todos amam um dia vai ser velho , né ?
    Beijos

    http://coisasdediane.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada querida! ♥
      Mas aí entra uma questão. Os clássicos não são clássicos pelo fato de serem velhos.
      Beijos

      Excluir
  11. Olá!
    A pouco tempo torcia o nariz para livros brasileiros até ler um que me agradou.
    Tbm concordo que temos que dar uma chance pq nem todos são ruins
    Adorei seu post

    http://malucaspor-romances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi Thamiris, confesso que ri ao ler o início do post, porque sou assim mesmo. Não tenho o hábito de ler as grandes literaturas nacionais, criei uma antipatia justamente pelas leituras obrigatórias da época da escola, mas aos poucos, estou tentando mudar esse conceito, confesso que não é tão fácil pra mim, mas estou tentando. Já li Dom Casmurro e adorei, assim como li outros que não me agradaram muito.
    Bjim!

    Tammy
    livreando.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tammy,
      Que bom saber que você está tentando mudar, pois não podemos nos apegar a um fato pelo resto de nossas vidas. Dom Casmurro é lindo, awn.
      Beijos

      Excluir
  13. Olá, Thamiris.
    Eu acho que essa coisa com os clássicos, vem da obrigatoriedade deles na escola. Uma coisa que você é obrigada a fazer, você já tem por principio achar que é chata. Eu já li muitos clássicos nacionais, uns eu gostei, outros não. Mas não posso dizer que não gosto de uma coisa, seu eu ainda não provei. Gostei bastante da postagem.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sil,
      Então, foi o que eu falei ali em cima, hehe.
      E concordo com você, precisamos ler para tirar nossas conclusões.
      Obrigada.

      Excluir
  14. Eu não concordo... To zoando, hehe. Olha, Bru, eu concordo com vocÊ, a gente fica com uma má impressão da literatura brasileira, sabe? Tem livros clássicos nacionais que dá vontade de cê vomitar arco-iris de tão legal, outros não. Assim como qualquer outra coisa, e sabe, seu post é uma ótima iniciativa, e você tá corretissima!
    http://jeremiasoliveirablog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Olá, Thamiris. Os clássicos da literatura brasileira dividem a minha opinião. Unindo todos os clássicos literários que li, até o momento, cada metade está dividida entre o ruim e o muito bom, como por exemplo, um que considerei ruim - na verdade, razoável - foi A Escrava Isaura, outro bom, O Cortiço. Este último foi uma leitura obrigatória, e acabei me surpreendendo com a história. Foi o primeiro livro que li, aos 13 anos, antes eu esbravejava: - "Eu odeio ler.", mas com O Cortiço pude sentir um misto de emoções que me cativou. Logo parti, para O Pequeno Príncipe, A Escrava Isaura, A Culpa é das Estrelas... Enfim, não é por um livro que julgaremos todos os outros, istó é uma enorme verdade!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sua última colocação descreveu tudo: Não podemos julgar um livro por todos.

      Excluir
  16. Não li nenhum desses clássicos, mas já li outros da literatura brasileira.

    http://jj-jovemjornalista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Acho que muitas vezes isso acontece por que são os primeiros livros que a pessoa tem contato e ela normalmente é obrigada a lê-los. Sempre fazemos algo obrigados dificilmente vamos encontrar prazer nisso.
    Acho que seria melhor acostumar as crianças desde cedo com leituras mais leves e só depois introduzir os clássicos mais densos. A pessoa tem que primeiro pegar o gosto pela leitura, para depois explorar terrenos mais difíceis..

    Beeijo
    www.ooutroladodaraposa.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, foi exatamente o que eu disse.
      Concordo contigo quanto a questão de iniciação da leitura.
      Beijos

      Excluir
  18. Li todos os que você indicou e me deu vontade de reler. Que eu me lembre, só tive problemas com um clássico e foi o Ateneu do rau Pompeia... nossa, chato demais!!!!
    Adorei o post
    meuamorpeloslivros.blogspot.com.br
    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou com ele para ler, tomara que eu goste! haha
      Beijão

      Excluir
  19. Olá!
    Tenho que concordar com você!
    Na época de escola, todo mês tínhamos que ler um dos clássicos brasileiros. Lembro que odiei todos. Achava muito maçante. Depois de já velho e graduado, resolvi dar uma chance e Dom Casmurro é um dos meus livros favoritos hoje. Alguns eu continuei não gostando, como Macunaíma, mas tem boas coisas por aí.
    O problema tá na obrigação mesmo.
    =D

    http://osdragoesdefogo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,
      que bacana essa reviravolta, hehe. "Macunaíma" está na minha lista.

      Excluir
  20. Concordo com você. Sempre achamos que literatura brasileira clássica (mas em geral também) é ruim ou difícil de ler.
    Desses que você citou li Dom Casmurro que gostei bastante e Memórias de Um Sargento de Milícias, que odiei, rsrsrs. Fazer o que... nem sempre conseguimos gostar de tudo.
    Ótimo texto.
    Bjsss

    www.umolhardeestrangeiro.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahhhh! Eu amo tanto "Memórias de um Sargento de Milícias", hihi. Que dó que você não gostou, mas é verdade, impossível gostarmos sempre da mesma coisas.
      Obrigada ♥ Beijos

      Excluir
  21. Eu amo, amo clássicos. Pra ter ideia eu li Machado de Assis a 1ª vez aos 9 anos de idade, por opção. Qdo chegou a época do vestibular, eu já tinha lido todas daqlas listas. Adorei o post.
    http://profissaoleitora.blogspot.com.br/
    ;D

    ResponderExcluir
  22. Oiee.

    Não sou uma pessoa muito achegada em clássicos, porém já li O Sargento de Milicias e lembro-me que na época eu até que gostei. Lucíola não tinha conhecimento, porém foi o que mais me chamou atenção

    Beijos da Fê
    As Catarina´s

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lucíola é um livro ótimo para quem quer começar a ler os clássicos.
      Beijos

      Excluir
  23. Oie!
    Sabe que nunca me senti atraída pelos clássicos? Já tentei algumas vezes, mas simplesmente não consegui ler... pode até ser falta de tentar mais, mas não consigo mais...
    Bjks!
    http://www.historias-semfim.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carla,
      Se você persistir, pode mudar essa situação, hehe.
      Beijos

      Excluir
  24. Não falo mal dos clássicos brasileiros, mas confesso que não me chamam a atenção. E concordo quando você diz que é impossível curtir uma leitura quando estamos lendo de má vontade e por obrigação. Não sei se leria os livros indicados, mas agradeço as dicas. Parabéns pelo texto.

    Bjs, Glaucia.
    www.maisquelivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que leia os indicados algum dia, ao menos de um deles, certamente você vai gostar! ♥
      Beijos

      Excluir
  25. Eu tive muito preconceito com os clássicos da literatura brasileira nos tempos de escola.
    E era um preconceito dos bravos, do tipo que eu falava que nunca ia ler um livro...nenhum deles.
    Motivo? Ter de ler na obrigação um livro que não tem um tema que você curta e que você é obrigado a empurrar goela abaixo pra conseguir nota.
    Esse é o motivo pelo rejeito geral da nossa literatura e não vejo problema algum nas pessoas que não gostam. Eu já fui uma delas.
    Não somos ensinados a apreciar um livro na escola, muitos pais não incentivam os filhos a gostar da leitura ou se familiarizar com ela. Não ensinam seus filhos a terem prazer.
    Eu sempre tive incentivo em casa, mas a obrigação do colégio me fez pegar raiva, até porque nunca gostei de fazer nada obrigado e acho que mais ninguém no mundo curte isso...
    Só caí de amores, na época do vestibular, por Machado de Assis que caiu como uma luva no estilo de livro que gosto, os romances de época. Depois li todos aqueles 'conhecidinhos' do mesmo período, mas não posso dizer que caio de amores pela literatura clássica nacional.
    Leio, apoio e indico muitos livros nacionais atuais, mas é dificil achar um das antigas que tenha algo me atraia, mas aí é questão de gosto pessoal.
    Enfim... ótimo texto.

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, mencionei a obrigação no texto. Ela dificulta tudo.
      Obrigada pelo comentário!

      Excluir
  26. Oiii tudo bom?

    Lembro que meu classico favorito foi O Cortiço, amei cada personagem. E Dom Casmurro também gostei muito.
    Acho que as pessoas que falam que não gostam de clássicos, na verdade não estão dizendo especificamente do livro. Explico: na grande maioria das vezes, as pessoas são "obrigadas" a ler aquele livro. Existem livros que são necessários para vestibular, e algumas escolas costumam exigir certas leituras valendo nota, trabalho escolar. Todo esse clima de "ser obrigado a ler aquilo" é que transforma o livro em um bicho papão, porque o prazer de simplesmente ler acaba substituido por pressão, prazos, resumos, etc... e aí muitos desanimam mesmo

    Beijokas

    naprateleiradealice.blogspot.com.ar

    ResponderExcluir
  27. Oláá
    Ótimo post haha eu estou completamente atrasada em conhecer os livros, quero ler principalmente Dom Casmurro, tenho ele aqui e outros clássicos que estou para ler faz bastante tempo hhaa

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. OI, tudo bem?
    Tenho vários clássicos da literatura brasileira aqui em casa, e sempre que posso leio algum. Dom Casmurro eu ainda não li, mas tenho ele.
    Eu concordo, pois nem todos os livros são chatos, além do mais é tão gostoso ler uma narrativa que foi escrita em uma época totalmente diferente da nossa. Eu adoro. Acho que nao estou no time dos que leem por obrigação..hehe


    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Letícia, isso é ótimo! Hahaha Concordo com você.

      Excluir
  29. Ooi,
    Eu já tive esse preconceito injusto contra clássicos, mas depois da leitura de A Hora da Estrela eu me peguei apaixonada e agora estou lendo vários clássicos nacionais e internacionais.
    Vitória Zavattieri
    Corujas de Biblioteca

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,
      Um livro muda nossa vida, hehe.
      Preciso ler Clarice Lispector.
      Beijos

      Excluir
  30. Olááá!

    Eu concordo que não devemos julgar todos por causa de um. Eu particularmente tenho dificuldades com o palavreado da época sabe? Sempre acabo me perdendo ou fica uma leitura cansativa por causa disso. Daí eu deixo de ler. Com a faculdade, acabo fazendo a preguiça vencer. Porem, classicos da Agatha Christie com uma linguagem mais moderna são ótimos! Leio em poucos dias!
    Adorei o post!!


    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,
      Agatha não é literatura brasileira e concordo, a linguagem é menos complexa.
      Beijos

      Excluir
  31. Ola lindona eu confesso que estou ensaiando a meses para ler um clássico, mas a correria não deixa.Não podemos julgar a todos, existem clássicos que a leitura fluiu bem, assim como alguns com leitura pesada devido a linguagem. Gostei de suas indicações, quem sabe começo por elas. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  32. Olá, tudo bem? Eu amei o seu post, sério. Eu não posso falar nada dos clássicos porque infelizmente nunca peguei um para ler ainda, eu só ouço o que falam deles por aí. No geral eu acredito que são livros incríveis, e só não li ainda por falta de oportunidade mesmo, da sua lista o que eu mais tenho vontade de ler é Dom Casmurro, é um livro muito bem falado e um dos clássicos mais famosos do Brasil.

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que comece a ter contato com eles logo. Vai amar Dom Casmurro.
      Beijos

      Excluir
  33. Olá, tudo bom? Belíssimo texto! Concordo que não podemos julgar todos os livros por apenas uma experiência ruim. Realmente, existem clássicos que não dá para ler, assim como livros contemporâneos. Mas, existem livros clássicos que são belíssimos. Um deles você citou: Lucíola...Livro lindo, uma história apaixonante, devorei em um dia e sempre suspiro ao lembrar desse livro. Outro citado: Brás Cubas...Nesse livro Machado de Assis brinca o tempo todo com o leitor, ele o enfrenta, o atiça...é impossível não gostar. parabéns novamente pelo texto!

    http://livrosepergaminhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também li Lucíola de um dia para o outro, praticamente. É sensacional!
      Ainda não li Memórias póstumas de Brás Cubas.
      Obrigada, beijos.

      Excluir
  34. Oiee ^^
    O único clássico brasileiro que eu li completamente foi "Dom Casmurro", e gostei. Não li por obrigação, mas porque fiquei curiosa mesmo. Sempre via "Capitu traiu ou não Bentinho?" e fiquei curiosa para saber qual era a história deles...
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dryh,
      Você chegou a qual conclusão?
      Beijos

      Excluir
  35. Oii, tudo bem?
    Eu confesso que não sou muito fã de clássicos. Todas as vezes que eu li um livro do gênero foi em leituras obrigatórias, e acredito que a leitura não fluiu tão bem quanto deveria. Mas no futuro pretendo ler alguma obra que me chame a atenção.

    ResponderExcluir
  36. Oii,

    Confesso que sou uma dessas pessoas que os classificam como chatos. Mas depois que criei o meu blog e vi o quanto era importante ler, venho mudando o meu pensamento para com esses livros. Quero tentar ler esses clássicos e ver "qual é a deles"... hahaha. Desses livros que você indicou, tentei ler dois": Dom Casmurro e Memórias de um Sargento de Milícias. Mas era justamente na época em que era um leitura obrigatória e também quando eu não tinha muita intimidade com os livros.

    Mas é isso aí...hahaha

    Priscila
    http://resenhandobma.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Priscila,
      Obrigada por compartilhar conosco as suas ideias, hehe.
      Beijos

      Excluir
  37. Oi Tamiris!
    Na verdade os clássicos são fabulosos, através deles é que comecei a conhecer a literatura nacional.
    Eles não são chatos. Chato é ter de ler por obrigação, porque eles nos impuseram na adolescência...
    como sou do século passado, gosto dos clássicos, nem todos, mas da maioria...
    “Temos a arte para não morrer da verdade.”(Friedrich Nietzsche)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista, serão 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, destaquei isso ali em cima, minha querida.
      Eu também gosto de muitos, rs.
      Beijinhos

      Excluir
  38. Oi Thamiris, sua linda, tudo bem
    Eu acho que o problema está na forma como as escolas ensinam os clássicos para os alunos. Acho que não estão preparados. Eu só fui gostar deles, nas aulas do cursinho par ao Vestibular, eu tive um professor que nossa, me fez ficar apaixonada por literatura. Tinha que ver como ele debatia e interpretava os livros. Da sua lista só li Dom Casmurro, e até hoje não sei se era coisa da cabeça dele, risos...
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  39. Oi,
    Gostei muito do post, esse é um tema que sempre converso com meus amigos, que talvez o clássico que escolheu ou leu foi de certa forma obrigado a ler, isso geralmente acaba deixando a pessoa com o pé atrás e tornando a leitura mais complicada ou como você mesma falou um bicho de 7 cabeças rs.
    Dessas sugestões li 4 e gostei muito, ainda na época da escola, acredito que todos deve dar oportunidade para essas preciosas leituras.
    Parabéns pela post.
    Beijos Mari - Stories And Advice

    ResponderExcluir
  40. Olá.
    Tudo bom?
    Eu me enquadrou no grupo que não gosta dos clássicos, li todos esses que me indicou para a escola e foi uma tortura terminar.
    Gostei do seu texto, mas mesmo assim, contínuo não gostando.
    Beijos

    ResponderExcluir
  41. Olá!
    Eu confesso que nunca parei para ler um clássico. Fico com medo se ser uma leitura maçante. Só que com certeza terá uma que vai me agradar.
    Adorei as suas indicações e vou tentar ler um deles.
    Amei o seu texto.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  42. Olá

    Acho que o único clássico nacional que li foi Iracema,os livros que você citou no post por exemplo nunca li nenhum, mas anotei as dicas, vou pelo menos tentar, porque até isso eu nunca fiz,valeu pelas dicas.

    Bjss

    ResponderExcluir
  43. Então, não gostava de nacional por uma experiência ruim que felizmente não foi leitura obrigatória. Foi um livro que eu queria ler mas acabei nao gostando. Eu não pensei ou achei que todos os livros eram iguais áquele, pelo contrário, eu tinha consciência de que não eram, mas eu fiquei com.um certo trauma de ler os clássicos. Até que eu, por conta própria resolvi tentar novamente e amei. :) Mas tem muita gente q julga nossa literatura e só valoriza o que vem de fora

    Bj

    ResponderExcluir