segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Para Refletir #01


Olá leitores!

Hoje gostaria de começar uma coluna nova, que se chamará Para Refletir. A princípio, não sei quando ocorrerão novos posts, porque quero que eles partam de um princípio o primeiro, com trechos de livros que me fizeram refletir e não sei qual a frequência que isso acontecerá.

O trecho que selecionei para o primeiro post é do livro Só Por Hoje e Para Sempre, do Renato Russo, vejam:

“Eu sou a Morte, eu sou o seu Eu maligno, eu sou o que você quis, por não ver mais a Luz e a Verdade. Mas você finalmente provou ser mais forte – nunca atingi seu trabalho, sua criatividade ou seu amor pelos seus. No final de nosso relacionamento, tinha quase certeza de que seria o vencedor, mas não consegui conquistar sua Alma (...) Você sabe que vou tentar voltar. Mas reconheço minha derrota. Cuidado comigo,Seu medo.”

Esse trecho me fez refletir muito, primeiro porque fui capaz de ver como o Medo age – e preciso escrever essa palavra com o M maiúsculo. Em segundo lugar, mesmo o Medo estando presente, pude notar como a pessoa é Forte, pois como o próprio sentimento diz, ele não conseguiu conquistar a alma da pessoa – mesmo que tenha tentado com toda sua força. Apesar desse trecho ter me assustado demais, pois todos nós temos Medo de alguma coisa, eu fiquei feliz e satisfeita por ter lido, pois pude ver que – se eu for mais forte que esse sentimento – posso superá-lo.

Espero que tenham gostado desse post e me contem se querem que eu continue ou não. Também gostaria de saber a opinião de vocês sobre esse trecho e o que eles te fizeram refletir – se causaram isso.

Beijos e até mais J

Esse post participa do TOP Comentarista de Setembro
(clique na imagem abaixo para maiores informações)


11 comentários:

  1. Olá Bru!
    Achei a ideia da coluna muito bacana. Refletir nos dias de hoje é uma necessidade de todo ser humano.
    A sua escolha inicial foi ótima e por favor, continue com posts assim. O trecho escolhido é muito reflexivo, profundo e um pouco assustador, mas verdadeiro. Sim, todos temos medo de alguma (muita) coisa. Temos que ser forte diante de nossos medos, para poder enfrentá-los.
    Beijão - Tão doce e tão amarga.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Tha,
      Fico muito feliz que tenha gostado. Refletir é muito importante, pois nos trás conhecimento.
      Obrigada pelo carinho ♥
      Beijos

      Excluir
  2. Ola, tudo certo?
    O medo age de formas diferente nas pessoas, eu por exemplo, prefiro superar meus medos ao invés de ficar refém deles, mas conheço pessoas que preferem se esconder e manter o medo dentro delas, essa frase do livro realmente nós faz refletir.
    Beijos.
    estantedoluiz.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Luiz, tudo e você?
      Sim, o medo me motiva e gosto muito disso. Mas conheço pessoas que se escondem. Enfim.. é a vida.
      Beijos

      Excluir
  3. Oi ...
    Adorei a nova coluna !! E é realmente reflexiva ...
    O medo é uma questão muito delicada , nós temos que ser muito fortes para superá-los ...
    Mas , acredito que com o tempo nós crescemos e alguns deles ficam para trás .
    Beijos

    http://coisasdediane.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Di,
      Fico muito feliz que tenha gostado.
      Sim, o medo é um tema complicado e concordo contigo, alguns ficam para trás.
      Beijos

      Excluir
  4. É boa a ideia de criar essa nova coluna.
    Estou qurendo ler esse livro e adorei esse trecho que você separou.
    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      Fico feliz que tenha gostado.
      Espero que leia e curta a leitura.
      Beijos

      Excluir
  5. Oi Bruna,
    Quero muito ler o livro do Renato o/ e esse trecho me fez querer mais ainda,
    Continua a coluna sim
    Beijo
    http://os-jovens-leitores.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Cleyvison,
      Leia! Acho que vai gostar muito.
      Esse trecho me fez refletir demais.
      Muito obrigada pelo apoio.
      Beijos

      Excluir
  6. sim, continue com a coluna! é um tema muito interessante que todos vão poder aprender!
    o trecho despertou um sentimento angustiante em mim. não a ponto de essa angústia ser ruim, mas sabe quando vc vê um filme de terror e se sente mal pelas coisas ruins que aconteceram? foi praticamente isso que senti, pois lembrei de todas as pessoas que se entregam á morte por pensarem que são fracas, que não conseguem sair do problema em que está vivendo. pessoas que se machucam porque pensam que não existe outro caminho... mas, esse trecho por mais medo que passe, consegue ser um motivador para aqueles que estão passando por um problema, já que fará com que eles vejam que eles são mais fortes que seus medos. que eles podem acabar com o medo assim que eles quiserem. essa morte do texto realmente não é esperta HAHAH e acabou entregando o ponto fraco de todas as outras mortes. AINDA BEM.

    bjs

    ResponderExcluir