domingo, 29 de março de 2015

A Mais Pura Verdade, Dan Gemeinhart

Em todos os sentidos que interessam, Mark é uma criança normal. Ele tem um cachorro chamado Beau e uma grande amiga, Jessie. Ele gosta de fotografar e de escrever haicais em seu caderno. Seu sonho é um dia escalar uma montanha.              
Mas, em certo sentido um sentido muito importante , Mark não tem nada a ver com as outras crianças. Mark está doente. O tipo de doença que tem a ver com hospital. Tratamento. O tipo de doença da qual algumas pessoas nunca melhoram.         
Então, Mark foge. Ele sai de casa com sua máquina fotográfica, seu caderno, seu cachorro e um plano. Um plano para alcançar o topo do Monte Rainier. Nem que seja a última coisa que ele faça. 
A Mais Pura Verdade é uma história preciosa e surpreendente sobre grandes questões, pequenos momentos e uma jornada inacreditável.


A mais pura Verdade é o típico livro que você lerá por horas sem se dar conta, que irá te fazer chorar e pensar como a vida não é justa, mas por que seria?

Mark está doente e sua família evita, ao máximo, comentar isso. Eles preferem esconder a doença de todos para fazer com que Mark tenha a vida mais “normal” o possível e eles quase chegam próximo a isso, essa é a mais pura verdade.

Quando sua mãe recebe uma ligação do médico de Mark e chora, ele decide que precisa tornar-se o herói, junta sua máquina fotográfica, equipamento de alpinismo, caderno e caneta, passagem de trem (só de ida), remédios e o melhor cachorro do mundo, Beau, e foge deixando todo o resto.

“- É como se, sei lá, eu levasse um pedaço da minha vida comigo, todas essas coisas acontecem, todos esses pequenos momentos passam por nós e vão embora. Então você vai embora. – Inspirei profundamente e expirei no vidro da janela. – Mas, quando você tira uma foto, aquele momento não passa. Você o prende. É seu. Você pode guardá-lo.”

Seus pais e sua melhor amiga, Jessie, ficam extremamente preocupados e começam a procurar desesperadamente por Mark e a única pessoa que sabe para onde ele foi, após descobrir a verdade sobre sua doença, é Jessie, mas ela fez uma promessa: nunca contar a ninguém. Sua maior dúvida agora é manter o segredo ou revelar a verdadeira história e ter seu melhor amigo de volta.

“Esta é uma coisa que eu não entendo: por que alguém quereria me impedir. Tudo o que eu queria era morrer. Essa é a mais pura verdade.”

A aventura de Mark viajando até a montanha e querendo escalá-la, me fez notar que, talvez, o intuito do autor seja mostrar que, às vezes, precisamos viajar para dentro de nós mesmos e nos encontrarmos. Logo que comecei a leitura vi Mark como um personagem do John Boyne, inteligente, doce, sagaz e teimoso, mas eu vi que ele é mais que isso, essa é a mais pura verdade.

Me apaixonei por toda a história, desde a primeira página, e achei a escrita de Dan muito fluida e gostosa de ser lido. Acredito que, assim como Extraordinário, esse livro deveria ser lido por todas as pessoas, pois ele te mostrará que, às vezes, é preciso viajar para dentro de si e encontrar o que está lá “perdido”. Enfim, você irá rir, chorar, se preocupar e querer entrar no livro para contar aos pais de Mark onde ele está. Vai querer trazer os personagens para a vida real e ficar chateado quando souber que não pode fazer isso. Também irá pensar em quantas crianças devem passar pela mesma situação e como eles devem sofrer com isso sem ter alguém que possa entendê-las.

“Eles sentiriam minha falta. Mas estariam vivos para sentir minha falta. Eles continuariam a viver.”

Informações adicionais:
Título: A Mais Pura Verdade
Autor: Dan Gemeinhart
Editora: Novo Conceito
Páginas: 224
Classificação: 

Livro cedido pela editora Novo Conceito.

10 comentários:

  1. ainda estou surpreendida pela sagacidade do enredo, a mais pura verdade é que é impossível não se apaixonar e torcer pelo Mark!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Thaila,
      Também estou surpresa com o enredo, me encantei demais! Concordo contigo, a mais pura verdade é que é impossível não se apaixonar e torcer pelo Mark!
      Beijos

      Excluir
  2. Oi, Bruna! Já li vários comentários super positivos sobre esse livro mas, apesar de ter achado a história linda, não me empolguei para lê-lo. Acho que não estou querendo leituras desse tipo no momento. Beijos!

    http://frases-perdidas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Gabrielle,
      Acho que os livros, assim como muitas coisas em nossa vida, precisam ser lidos no momento certo e, se você não sente a empolgação agora, deve aguardar um pouco e ler quando sentir-se mais desejosa, assim a leitura será melhor!
      Beijos

      Excluir
  3. Pra mim um dos melhores que eu li nesse ano, muito bom e você se empolga realmente com a historia tão absurdamente que você n senti o tempo passar e fica na vontade de querer mais. A resenha ta muito boa parabens.

    http://armazemdochef.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Bruno,
      Verdade. Você se empolga muito com a história e quer, desesperadamente, que tudo dê certo para o Mark.
      Fico feliz que tenha gostado, obrigada ♥
      Beijos

      Excluir
  4. Oi Bruna! Que livro maravilhoso é este, não? Comecei a ler mas parei....pelo simples fato de não querer terminar, tenho medo de descobrir o final sabe? Tenho dessas esteiras hahah mas é encantador mesmo e espero - assim que tiver a coragem necessária - conseguir escrever um resenha tão boa quanto a sua.

    Beijinhos
    http://webteentwl.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Tainá,
      Esse livro é incrível em todos os sentidos.
      Entendo seu lado, teve um momento na história que pensei em parar, pois achei que não suportaria ver o final, mas o final é ainda mais surpreendente e me fez pensar que o Dan deve ter escrito esse livro para nos fazer viajar para dentro de nós mesmos.
      Obrigada por suas palavras de carinho e apoio, espero que você finalize o livro. Assim que fizer, me mande sua resenha para eu conferir!
      Beijos

      Excluir
  5. Oi Bruna!
    Estou muito ansiosa com essa leitura!
    Minha amiga o leu e chorou muito, imagino que deve ser lindo :)
    Adorei a resenha :3

    Ah, te indiquei em uma TAG de séries! :D
    Beijos!
    http://choqueliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Joyce,
      Esse livro é lindo mesmo, espero que você goste.
      Muito obrigada pela indicação, vou ver e responder em breve!
      Beijos

      Excluir