segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Poesias que Sangram, Paloma Viricio

Poesia. Uma palavra composta por seis letras e milhares de sentimentos. Difícil traduzir em significado, mas que pode aliviar, enfatizar ou fazer com que o poeta transforme-se através da arte da escrita. Uma coleção delas? Mais que um livro... um pedaço da alma de quem escreve. Por isso, são mágicas e especiais. Poesias que Sangram presenteia o leitor com alegria, drama, dor, amor, infelicidade e outras caixinhas de elementos abstratos que somente podem ser entendidos por almas melancólicas e sensíveis. A prova de que as palavras podem de alguma forma transformar pessoas e o mundo. Escrito em aproximadamente três meses, foi confeccionado através de várias inspirações, entre elas as escritas de grandes poetas como Vinicius de Moraes, Charles Baudelaire, Álvares de Azevedo, Casimiro de Abreu, Renato Russo, Cazuza e tantos outros. Um livro que promete mexer com os sentimentos e a sensibilidade do leitor de maneira ímpar.


Resenhar um livro de poesias é muito difícil, pois poesia representa sentimento, vontades, sonhos e desejos. E nós, leitores, precisamos entrar firmemente nesse universo antes de resenhar um livro desse tema.

"Sou tão misteriosa que não me entendo."- Clarice Lispector

Ler Poesias que Sangram foi uma surpresa muito agradável, pois a cada poesia que lia eu sentia amor, dor, sonhos... Ao termino de cada poesia eu precisava parar e refletir sobre o que estava escrito e como aquelas palavras e frase agregaram em minha vida.

Há poesias que me conquistaram totalmente foi o caso de Borboleta na Alma, Vaidade, Meu Pequenino e Amor Pleno. O livro é dividido em três partes Elas Sangram, Cicatrizam e Regeneram. A primeira parte, em minha opinião, é mais triste que as demais, mas, cada poesia, tem seu encanto. 

“Quero aproveitar o momento
De paz e amor...
Pois a cicatrização da dor
É sempre uma vista
Bem-vinda.”

Ao final do livro, a autora nos concede um Bônus com as músicas que inspiraram a confecção do livro. As músicas são ótimas e adorei a iniciativa da autora.

Quem gosta de poesias e gosta de conhecer os sentimentos dos outros, essa é uma ótima pedida. A autora é a simpatia em pessoa e, caso vocês queiram conhecer um pouco mais sobre ela, confiram a entrevista que elas nos concedeu aqui.

Informações adicionais:
Título: Poesias que Sangram
Autora: Paloma Virício
Editora: Clube dos Autores
Páginas: 204
Nota da Leitora: 4 estrelas
Onde Comprar: Clube dos Autores

Cedido em parceria com a Autora

12 comentários:

  1. Oi Bruna, como vai?
    Ai, eu adoro essa frase da Clarice Lispector, rs.
    Eu adoro ler poesias, pois elas sempre me fazem sentir bons sentimentos. Então acho que vou adorar esse livro. A definição mais interessante que já ouvi até hoje a respeito do fato de ler poesias é essa: Nadar no calor em um oceano de águas transparentes. Pode parecer estranho, mas é algo que eu sinto.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Thamiris, vou bem e você?
      Também adoro. Na verdade, sou apaixonada pela Clarice.
      Eu não sou muito fã de poesias, mas passei a gostar.
      Gostei da forma como você descreveu a poesia.
      Beijos :)

      Excluir

  2. Boa Tarde Leitoras tudo bem ? parabens pela resenha gostei da interpretação de texto tambem estou lendo Poesias que Sangram o começo do livro e muito triste mesmo as vezes eu choro com as palavras marcantes e fortes da autora assim que eu termina o livro tambem vou fazer uma resenha sobre o mesmo beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Marcos, tudo bem e contigo?
      Muito obrigada! Fico feliz em saber que você está lendo e espero que goste.
      Sim, o início do livro é bem triste, mas conforme vai passando os sentimentos vão mudando e, ao invés de chorar de tristeza, será de felicidade por ter tido a oportunidade de ler algo magnifico.
      Espero ler sua resenha em breve.
      Beijos

      Excluir
  3. Oie! Não conhecia o livro, mas o nome da autora me é familiar... kkk
    Ah sim sim, a menina de um blog e agora não lembro o nome do blog! kkkk mas enfim adorei saber que ela é uma escritora tbm!!
    Bjs, tem promoção no blog http://resenhasteen.blogspot.com.br/2014/08/promocao-de-aniversario-do-amor.html
    se puder comentar nesse post ajudará muito:
    http://resenhasteen.blogspot.com.br/2014/08/as-cronicas-da-terra-do-lago.html
    Nay =D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Naylane,
      Verdade, ela tem um blog muito legal, chama-se Monólogo de Julieta e é muito interessante.
      Muito obrigada por sua visita :D

      Excluir
  4. Oi Bruna, tudo bem?
    Estou querendo esse livro! A Paloma está participando de um tipo de concurso né? Espero que ela ganhe, eu gosto bastante das suas postagens no Monólogo de Julieta.
    Eu amo poesias, tenho vários livros na estante e sempre pego algum para ler, esse eu fiquei muito curiosa.
    Gostei da sua resenha, é como você diz: Poesia é sentimento,
    Beijos ^^

    citacoesdeumleitor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Francine, tudo sim e você?
      Está sim, é sobre livros nacionais, corre lá para votar *-*
      Verdade, o blog dela é demais. Passei a gostar de poesia depois de ler o livro dela, antigamente não era muito fã.
      Fico feliz que tenha gostado e leia esse livro, é lindo.
      Beijos

      Excluir
  5. sabia da Paloma enquanto blogueira, como escritora é uma surpresa e ver que o livro dela esta sendo tão bem comentado é muito bom!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Thaila, o livro só trás comentários bons!
      Beijos

      Excluir
  6. Oii, tudo bem??
    Gostei muito do livro, eu adoro poesias!
    Gostei muito da resenha ^^
    Abraços!
    http://enjoythelittllethingss.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Tudo e você?
      Muito obrigada pelo carinho!
      Beijos

      Excluir