quarta-feira, 25 de junho de 2014

Um pouco de literatura nacional #11

Bom dia, ávidos leitores!

Vamos às indicações desta quinzena! Hoje, trarei livros que farão os leitores rirem!


As Esganadas, de Jô Soares

Como ator e comediante, o Jô é um grande fazedor de tipos. Sabe como poucos construir um personagem, defini-lo com um detalhe e dar-lhe vida com graça e inteligência. Como autor, essa sua maestria se expande: os tipos são postos no mundo e, mais do que no mundo, numa trama — e o seu criador (eu quase escrevi Criador, pois não deixa de ser um trabalho de deus) se solta. Toda a ficção do Jô é feita de grandes personagens envolvidos em grandes tramas. Os tipos e a trama deste livro são especialmente engenhosos e através deles o autor nos dá um retrato saboroso do Rio de Janeiro no fim dos anos 1930 e começo do Estado Novo — o Rio das vedetes que davam e dos políticos que tomavam, das estrelas do rádio e das corridas de “baratinhas”. E nesse mundo em ebulição chega uma figura portuguesa, saída de um poema do Fernando Pessoa, para elucidar o estranho e terrível caso das gordas desaparecidas que… Mas não vou revelar mais nada. Um dos prazeres da literatura policial é ir acompanhando o desvendar de uma trama, levados de revelação a revelação por alguém com a fórmula exata para nos enlevar — e enredar. No caso do Jô, quem nos guia é um autor que já provou seu domínio do gênero, e que aqui se supera na perfeita dosagem de invenção, humor e erudição que nos prende desde a primeira página, desde a epígrafe. Prepare-se para ser enlevado e enredado, portanto. E prepare-se para outras sensações. Só posso dizer que a trama deixará você, ao mesmo tempo, horrorizado e com fome. E que depois da sua leitura os Pastéis de Santa Clara jamais significarão o mesmo.



Nada Dramática, de Dayse Dantas


Camilla Pinheiro conseguiu passar sua vida escolar praticamente ilesa, sem se envolver em dramas adolescentes. Isso é uma grande vitória para ela, que sempre foi muito aplicada nas aulas. E pretende continuar assim, agora que está no terceiro ano do ensino médio do colégio Coliseu, um dos mais puxados e concorridos de Goiânia. Sempre organizada, seus planos para o último semestre se resumem a um só objetivo: passar no vestibular com as melhores notas. Porém, graças a uma confusão amorosa envolvendo seu melhor amigo, Camilla vê seus dias calmos de estudos se transformarem, em meio a revoluções escolares, brigas familiares, intrigas na turma, dúvidas sobre o futuro e até uma inesperada paixão, que ela insiste em negar para si mesma. Para se abstrair do mundo real, agora virado de cabeça para baixo, ela posta em seu blog as aventuras da “Agente C”, sua identidade nada secreta para quem a conhece e sabe o que é viver um dos períodos mais intensos da vida.


A Vida e Outros Detalhes Insignificantes, de Danilo Gentili


Como você acha que é a sua vida? É engraçada, cômica, normal ou trágica? O comediante Danilo Gentili – que desde 1979 estraga tudo e decepciona pessoas, segundo seu twitter – lança seu terceiro livro, A vida e outros detalhes insignificantes, falando sobre a sua vida. A obra fala dos detalhes do cotidiano que ninguém vê ou dá importância, as manias de sua mãe, a internet, os relacionamentos e até mesmo sua vida sexual. São piadas, mas que poderiam fazer parte da nossa vida também. Além de fazer o registro de seu DVD, Danilo Gentili Volume 1, com seu show de stand-up, o livro ainda traz piadas inéditas exclusivas para a publicação.




Gostaram?


Beijos!

11 comentários:

  1. Oi Gabi, tudo bem?

    Desses eu gostei de Nada Dramática, mas tenho curiosidade pra ler os livros do Jô Soares, o cara é um gênio!

    Beijos
    http://www.estantedasfadas.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Acho o Jô o máximo. Já vi trabalhos sobre as obras dele na escola e adorei. O Danilo é sempre divertido, deve ser bem legal esse livro. Quanto ao outro, não curto muito esse estilo.

    beijos
    http://eu-ludmilla.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá, Gabrielle, tudo bem?
    Menina, ganhei "As Esganadas" há alguns anos, mas até hoje não encarei a leitura, acredita?

    Beijos,
    Nina & Suas Letras

    ResponderExcluir
  4. Li As Esganadas em dois dias e me surpreendi pela facilidade do Jô Soares em escrever páginas divertidas e bem humoradas que realmente arrancam risadas dos leitores, não há como não curtir o livro e desfazer a carranca após lê-lo.
    Abraço.
    http://chacomresenha.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Oi Gabrielle como vai?
    Apesar de não ler muito livros de autores nacionais, adorei suas dicas.
    Esse livro do Jogo deve ser muito bom.
    Abraços

    estantejovem.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. É sempre bom variar os autores e não ficar preso em um único gênero de livro, eu gostei das suas indicações
    Beijos
    http://segredosdacahlima.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi :)

    Nenhum desses livros me chama a atenção, mas gosto de muitos livros nacionais. Beijos!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Cara, eu não sou m uto de ler literatura brasileira, e um dia irei me arrepender disso por ser escritora e sofrer os mesmos preconceitos com os meus livros, mas já li o Alquimista do Paulo Coelho que é um dos meus favoritos. Mas nunca li nenhum desses, só vi o do jô soares, mas também não cheguei a ler.

    http://agindodiferente.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi Bruna
    Adorei as indicações mas destes, só conheço As Esganadas. Conheço por nome, nunca li. Mas vou te dizer que qualquer dia pode me dar a louca e eu saio lendo esse livro hahaha
    Tenho vontade de ler algum livro do Jô porque eu gosto muito dele.

    Beijo ;*
    Lu
    Blog Sem Spoiler

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu quis dizer "Oi Gabrielle". rs
      É sério!

      Bjsssss

      Excluir
  10. Oi Gabrielle,
    da sua lista só li "As esganadas" e adorei! Aliás sou fã do Jô como escritor, já li outros livros dele e todos são bem escritos.
    Os outros dois ainda não conheço :(
    Bjos!

    http://seiqueeusei.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir