domingo, 19 de janeiro de 2014

A Lista de Schindler

Aquele que salva a vida de um homem salva a vida do mundo inteiro

A Lista de Schindler, de Thomas Keneally, nos trás a história de Oskar Schindler, um homem mulherengo e ambicioso. Thomas Keneally retratou com exatidão tudo o que aconteceu durante a Segunda Guerra Mundial, a história é narrada por pessoas que passaram por todo o drama da Guerra.

Herr Oskar Schindler, um homem que casara muito cedo com Emilie e que odiava seu pai face a separação de sua mãe, ambicioso e mulherengo torna-se a única salvação para alguns judeus. 

Ao mudar-se para Cracóvia, Oskar compra uma fábrica de utensílios de cozinha, convive com oficiais do mais alto escalão do Exército e vê coisas que o fazem refletir sobre a capacidade de maldade do ser humano.

"Atirou naquela mulher porque ela não significava nada para ele, era só uma a menos de uma série, que nem o ofendia nem o agradava. Está compreendendo? Mas você..."

Em sua fábrica, Oskar decide empregar judeus e ajudá-los fornecendo algo para que possam se alimentar. Mas, as coisas tornam-se complicadas, cada vez mais o Governo do Reich faz com que os judeus fiquem submissos e impede que eles recebam pelos seus serviços. Oskar precisa subornar algumas pessoas para ter o que precisa para si e para os judeus. 

"Entretanto, a invasão de Kazimierz pela SS despertou em Oskar uma repulsa fundamental - não uma repulsa que chegasse a afetar diretamente o nível de sua vida comercial, ou amorosa, ou seus jantares com amigos, mas uma repulsa que, quanto mais claras se tornavam as intenções do novo regime, mais o impulsionava, obcecava, levando-o, em sua exaltação, a arriscar-se cada vez mais."

Os judeus viam-se perdidos, pois a morte era a única coisa certa na vida deles. Há apenas uma salvação: Trabalhar na Emalia - empresa de Herr Oskar Schindler. Após diversas mudanças, Oskar vê-se, mais uma vez, desesperado: seus empregados eram espancados e muitas vezes não chegavam ao local de trabalho. Oskar toma a decisão de criar um subcampo no fundo de sua empresa e isso representa uma mínima melhora na vida dos judeus, posto que Oskar não permitia espancamentos nem morte sem motivos em seu campo.

Quando tudo parece ir bem a Guerra nos trás mais uma mudança: O campo e subcampos de Plaszóvia serão desativados e a maioria dos judeus serão mortos. Oskar vê necessidade de fazer algo para ajudar seus sempre fiéis empregados e, junto a seus amigos da alta hierarquia, ele consegue uma transferência de 1.100 prisioneiros para a Tchecoslováquia. A luta passa a ser: Quem integrará a Lista de Schindler e terá uma chance de vida?

Thomas Keneally criou uma narração fascinante com detalhes envolventes, as histórias são baseadas em informações obtidas para com aqueles que integraram a Lista de Schindler e conviveram com o salvador Oskar Schindler. 

Nesse livro, Oskar não é criado como um Deus Salvador, os seus defeitos são descritos e explorados e as decisões erroneas são trazidas de acordo com a observação de judeus. É um livro que deve ser lido com atenção e nos trás momentos de alegrias com vitórias e tristezas com derrotas.

Informações Adicionais:
Autor: Thomas Keneally
Título: A Lista de Schindler
Editora: BestBolso
Páginas: 532
Nota da Leitora: 4 estrelas

7 comentários:

  1. eu vi o filme, e foi um dos filmes que mais me fez chorar, de indignação, de tristeza, enfim... um misto de emoções conflitantes... quero MUITO ter a oportunidade de conhecer o livro...
    bjs
    http://torporniilista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Maria, ainda não tive a oportunidade de ver o filme..
      Mas, como sempre, acredito que o livro inspira mais emoção, confesso que achava que não haveria como ficar mais chocada do que eu já estava, mas puro engano...
      Espero que você consiga ler o livro e comente sobre o que achou.
      Beijos

      Excluir
  2. Oi. Seu blog é lindo, só achei meio dificil de ler. Já estou segindo ele. Ainda não li este livro.

    http://lendoumsonho.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Laís,
      Já alteramos a fonte, agradecemos a dica.
      Vale muito a pena ler esse livro, se você gosta do tema: Segunda Guerra Mundial.
      Beijos

      Excluir
  3. Oie! Gostei da resenha e já está na minha lista de livros para comprar ou ganhar (gosto desse estilo de livro que mostra os lados distintos dos seres humanos).

    Já estou seguindo o blog e já está nos meus favoritos! Se puder dar uma olhadinha no meu blog, ficaria lisonjeada.
    http://unicorniiosanonimos.blogspot.com.br/

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Laura,
      Fico muito feliz de ter contribuído com o acréscimo de mais um livro para a sua lista de 'vou ler'.
      A narrativa é muito boa, a única coisa que me fez dar uma nota 4 para esse livro, foi a tradução.. "/
      Obrigada pelo carinho. Visitarei seu blog sim.
      Beijos

      Excluir
  4. Eu estou doido pra ler ele, mas tenho que procurar um lugar para comprar, espero gostar muito, falam que o filme é excelente! ;D


    http://www.leituraadentro.blogspot.com.br/
    https://www.facebook.com/leituraadentro/

    ResponderExcluir